sexta-feira, 25 de agosto de 2023

Prefeito de Cândido Mendes classifica cassação por parte da Câmara de “banal, absurda e arbitrária”

Prefeito Facinho (PL)

Questionado pelo Blog do Domingos Costa sobre a cassação por parte da Câmara de Vereadores nesta quinta-feira (24), o prefeito do município de Cândido Mendes, Jose Bonifácio Rocha de Jesus, o “Facinho”, do PL, classificou como “absurda e arbitrária.”

O advogado do prefeito, também consultado pelo Blog do DC, disse que o motivo do afastamento é banal, “cassado porque teria feito um discurso ofensivo a um vereador em março de 2023”.

“Sem direito à defesa, sem sequer terem lhe notificado ou dado oportunidade de se manifestar e realizada após o afastamento também abusivo e ilegal de quatro vereadores.” Ressaltou o advogado Carlos Sérgio.

Fizeram uma armação para envolver o nome prefeito e culminar com esta encenação de julgamento que envolveu até dinheiro jogado pela janela”, completou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PF deflagra operação contra caça ilegal em Territórios Indígenas, no MA

Ficou comprovado que, devido a construção de uma estrada que cortava a terra indígena, havia se acentuado a invasão por parte de caçadores. ...