quinta-feira, 22 de julho de 2021

Prefeito Sissi Viana vistoria obra histórica de pavimentação em Godofredo Viana


O prefeito Sissi Viana, do município de Godofredo Viana, vistoriou, esta semana, obras de pavimentação que estão sendo executadas na cidade.
O gestor acompanhou o trabalho na comunidade Barão do Pirucaua, cujas vias estão recebendo pavimentação em bloquete. A benfeitoria foi um compromisso de campanha do prefeito Sissi Viana (Republicanos), que fez questão de estar presente na frente de trabalho para exigir qualidade total na execução.

Desde o seu primeiro mandato, Sissi vem trabalhando incansavelmente no sentido de melhorar, cada vez mais, a infraestrutura do município.

Diversos outros bairros de Godofredo Viana já foram contemplados com obras de mobilidade urbana, o que contribuiu significativamente para oferecer mais qualidade de vida aos cidadãos.

“Nosso objetivo é e continuará sendo trabalhar todos os dias para atender a todas as reivindicações do cidadão godofredense e, desta forma, tornar o município cada vez mais desenvolvido e progressista”, afirmou o prefeito.

Ex-prefeito de Pindaré-Mirim é condenado por irregularidades em convênios

O ex-prefeito municipal de Pindaré-Mirim, Henrique Caldeira Salgado (2008-2012), foi condenado em Ação Civil Pública por Ato de improbidade Administrativa dano aos cofres públicos em convênios firmados entre a Prefeitura Municipal, a Caixa Econômica Federal e Banco da Amazônia, para concessão de empréstimos pessoais aos funcionários municipais, com descontos na folha de pagamento.

O juiz João Aguiar dos Santos condenou o ex-prefeito à perda da função pública; suspensão dos direitos políticos por quatro anos e à proibição de contratar com o poder público ou de receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, pelo prazo de quatro anos. Na sentença, o juiz considerou a repetição das irregularidades e determinou o pagamento de multa civil no valor de 70 vezes o valor da remuneração recebida pelo gestor.

Conforme a denúncia do Ministério Público Estadual (MPE), o Município de Pindaré Mirim firmou convênio com a Caixa Econômica (04/2010) e com o Banco da Amazônia (09/2006), mas os repasses começaram a ser feitos em 2011, com atraso, embora fossem descontados nos contracheques dos servidores.

Narra a denúncia que o gestor empregou temerário método de gerenciamento de recursos de responsabilidade do município, “com a omissão, indevida e ilícita apropriação dos recursos privados”. Com isso, teria violado a Lei de Improbidade Administrativa artigos 10 e 11, incisos I e II, da Lei nº 8.429/92).

O Banco da Amazônia informou, nos autos, que os repasses de responsabilidade da prefeitura municipal nos empréstimos consignados dos funcionários deixaram de ser feitos no período de 2008-2012. Já a Caixa Econômica informou que o convênio de consignação foi regularizado no final do ano de 2012, após alguns atrasos nos repasses.

O ex-prefeito se manifestou no processo e afirmou não ter cometido ato ilegal, tampouco dano ou prejuízos ao erário, e pediu a improcedência da ação. No entanto, não esclareceu a seu favor as repetidas irregularidades.

RESPONSABILIDADE FISCAL

Ao analisar a questão, o juiz entendeu a atitude do ex-prefeito em não repassar e atrasar os valores às instituições financeiras afetou o equilíbrio orçamentário municipal durante sua a gestão, fato que implica a falta de disponibilidade financeira suficiente para cobertura de compromissos da Fazenda a médio e longo prazo, impactando sua gestão e as futuras, com aumento da dívida do ente municipal.

“No caso, a postura do então ex-prefeito contribuiu para que a prefeitura de Pindaré Mirim perdesse liquidez para cobertura de caixa face aos compromissos assumidos, pois houve um aumento de dívida pela falta de repasses aos bancos, que cedo ou tarde, deverão ser pagos”, declarou o juiz na sentença.

O juiz concluiu que a conduta do gestor desobedeceu ao artigo primeiro, parágrafo primeiro da Lei de Responsabilidade Fiscal (nº 101/00), que Estabelece normas de finanças públicas voltadas para a responsabilidade na gestão fiscal, a Constituição Federal e os princípios da administração pública.

“Embora ciente dos obstáculos e problemas, pouco se importou em modificar a situação, incidindo na aceitação indiferente dos riscos que ele mesmo criou e dos danos ao patrimônio público por ele causados”, ressaltou o juiz nos autos.

A condenação não inclui o ressarcimento integral do dano ao erário, pois, não fora comprovado nos autos que o montante não repassado aos bancos foi destinado em benefício do réu.

PF realiza no Maranhão operação para combater fraudes no Auxílio Emergencial

A Polícia Federal deflagrou, na data de hoje (22/07/2021), a Operação Animus Fraudandi, em continuidade ao combate às fraudes aos Benefícios Emergenciais, os quais são pagos a parte da população com dificuldades financeiras em razão da pandemia.
Os trabalhos realizados são resultantes de uma união de esforços denominada Estratégia Integrada de Atuação contra as Fraudes ao Auxílio Emergencial (EIAFAE), da qual participam a Polícia Federal, Ministério Público Federal, Ministério da Cidadania, CAIXA, Receita Federal, Controladoria-Geral da União e Tribunal de Contas da União. Os objetivos da atuação interinstitucional conjunta são a identificação de fraudes massivas e a desarticulação de organizações criminosas, com a responsabilização de seus integrantes, além de recuperar os valores para o erário.

A Polícia Federal já realizou a deflagração de 114 (cento e catorze) Operações Policiais visando ao combate às fraudes aos Benefícios Emergenciais, com a expedição de mais de 443 (quatrocentos e quarenta e três) Mandados de Busca e de 50 (cinquenta) Mandados de Prisão.

Nesta data, estão sendo cumpridos 29 (vinte e nove) Mandados de Busca e Apreensão, e 4 (quatro) Mandados de Sequestro de Bens, perfazendo um total de aproximadamente de até R$ 60 mil bloqueados por determinação judicial. As ações ocorrem nos Estados da Bahia, Ceará, Maranhão, Mato Grosso, Pará e Santa Catarina, com a participação de aproximadamente 120 Policiais Federais.

Só em Imperatriz foram cumpridos 8 mandados de busca e apreensão com participação de mais de 30 policiais federais, e, segundo o chefe da operação, o grupo foi responsável pelo desvio de mais de R$ 200.000,00 (duzentos mil reais).

Em São Luís/MA foram cumpridos 1 (um) Mandado de Busca e Apreensão e 1 (um) Mandado de Sequestro de Bens e Valores com bloqueio judicial de até R$21.000,00 (vinte e um mil reais), correspondentes ao montante do prejuízo ocasionado aos cofres da União em decorrência da prática criminosa.

A operação foi batizada Animus Fraudandi, expressão latina que significa “intenção de fraudar”, à qual remete ao caráter fraudulento e intencional dos desvios de valores identificados no curso das investigações.

Destaca-se que em razão da atual crise de saúde pública, foi adotada logística especial de preservação do contágio com distribuição de EPI’s a todos os envolvidos, a fim de preservar a saúde dos policiais, testemunhas e investigados.

quarta-feira, 21 de julho de 2021

PF apreende R$190 Milhões em fraudes no combate á pandemia


Na última semana, a Polícia Federal (PF) ultrapassou a marca de 100 operações de repressão ao desvio e à utilização indevida de verbas públicas federais destinadas ao combate à pandemia de Covid-19. Até o último dia 13, o total de operações havia chegado a 102 e os valores apreendidos chegaram à quase R$ 190 milhões.

Em nota, a PF informou nesta terça-feira (20) que, desde abril do ano passado, já cumpriu 158 mandados de prisão temporária, 17 de prisão preventiva e 1.536 de busca e apreensão em 205 municípios de 26 unidades da federação. O montante de contratos de produtos e serviços investigados atingiu cerca de R$ 3,2 bilhões.

SUPERFATURAMENTO

Deflagrada em abril de 2020 na Paraíba, a Operação Alquimia foi a primeira ação para apurar suspeita de desvio de recursos públicos. De lá para cá, o Amapá é o estado com o maior número de operações (11 no total), seguido por Maranhão (10), Pernambuco (8), Sergipe (8), Rio de Janeiro (7), São Paulo (6), Piauí (6), Pará (6), Amazonas (4) e Rondônia (4).

Sobre o montante de contratos investigados, o Pará lidera com R$ 1,4 bilhão. Em seguida, aparecem o Rio de Janeiro (R$ 850 milhões), Pernambuco (R$ 198 milhões), São Paulo (R$ 118 milhões), Minas Gerais (R$ 102 milhões), Rondônia (R$ 92 milhões) e Piauí (R$ 82 milhões).

Agência Brasil

Conselho Tutelar emite nota sobre tentativa de sequestro em Cândido Mendes

Imagem Ilustrativa


A Polícia Civil vai investigar duas tentativas de sequestros de criança que aconteceu no último dia 15 de julho.
Em nota, o Conselho Tutelar de Cândido Mendes confirmou as tentativas de sequestros, e orientou a população para que pais ou responsáveis não deixem suas crianças sozinhas.


Confira a nota.


Nova remessa de vacinas contra a Covid-19 chegam ao Maranhão

Chegaram ao Maranhão, nessa terça-feira (20), novas doses de vacinas contra a Covid-19. São 97 mil, sendo 36.400 de AstraZeneca e 60.600 de CoronaVac, que irão reforçar a campanha de vacinação contra a doença no estado. Assim que chegaram em solo maranhense, os imunizantes foram encaminhados para a Central de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos (Ceadi-MA), onde serão separados para a distribuição aos municípios.

“As vacinas serão levadas aos municípios ainda nesta semana. A logística adotada pelo Governo do Estado tem permitido que os imunizantes sejam rapidamente entregues para que possam ser, o quanto antes, usados para proteger a população”, disse o secretário adjunto de Articulação Institucional da SES, Tiago Fernandes.

As vacinas chegam para dar continuidade à imunização das pessoas de 50 a 54 anos, ou das faixas etárias definidas pelos municípios, conforme avanço da vacinação. A distribuição de vacinas aos municípios para a continuidade da campanha será realizada ao longo desta semana, com início nesta quarta-feira (21).

A distribuição continua contando com a parceria da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), que realiza o transporte das vacinas com auxílio de um helicóptero do Centro Tático Aéreo (CTA), e garante a segurança do trajeto. Para o transporte, também são utilizados um avião e vans refrigeradas.

Com a nova remessa, o Maranhão já recebeu 4.500.630 doses de vacinas, sendo 1.385.540 doses da CoronaVac, 2.569.750 doses da AstraZeneca, 435.240 doses da Pfizer e 110.100 doses da Janssen. Há ainda, para esta quarta-feira (21), a previsão de chegada de 144.500 novas doses de vacinas AstraZeneca e 36.270 doses de Pfizer.

Mulher é espancada com ripa por seguranças no Mix Mateus em São Luis


Jacqueline de Oliveira, vítima de agressão no supermercado Mateus.

Uma mulher de 42 anos denunciou ter sido agredida dentro de uma unidade do supermercado do grupo Mateus, após suspeitas de furtos de produtos no estabelecimento.

O caso ocorreu no final da manhã de terça-feira (20) no Mix Atacarejo Mateus, no bairro do Araçagy, região metropolitana de São Luís.

O Blog do Neto Ferreira teve acesso, com exclusividade, ao Boletim de Ocorrência registrado na Casa da Mulher Brasileira, onde a vítima relata todo o ocorrido.

Jacqueline de Oliveira afirmou que dois seguranças a abordaram na saída do supermercado e a levaram para uma sala, desligaram as câmeras de monitoramento e a espancaram com ripa.


Além disso, a mulher relata que durante as agressões foi xingada de “ladra desgraçada” e que “merecia morrer”. “Me acusaram de furto, sendo que não tinha nada. Estou cheia de hematomas. Quero processar esse pessoal. Até a câmera, na hora que me bateram, desligaram lá da salinha”

Oliveira disse que a sessão de espancamento durou mais de uma hora e ainda foi ameaçada com um tiro.

O caso foi denunciado à Polícia Civil, que deverá abrir uma investigação para apurar os fatos.

A reportagem entrou em contato com assessoria do grupo Mateus, mas até o momento informou apenas que iria verificar o ocorrido internamente.

O grupo Mateus foi criado há 34 anos e possui as bandeiras Mix Atacarejo, Supermercado Mateus, Eletro Mateus e Camiño Supermercados. A rede tem como presidente o empresário Ilson Mateus.


quarta-feira, 14 de julho de 2021

BOA NOTÍCIA! Godofredo Viana não regista mortes por Covid-19 há 40 dias


O município de Godofredo Viana, na região Oeste do Maranhão, alcançou, nesta quarta-feira (14), uma marca importante, positiva e que reafirma, cada vez mais, um cenário de dias melhores. 

Há exatos 40 dias a cidade não registra nenhum óbito ocasionado pelo novo coronavírus. 

Ontem, outra marca significativa foi alcançada: foram completados cinco dias sem o registro de nenhum novo caso de paciente que testou positivo para Covid. 

“Este ótimo índice é fruto do excelente trabalho de prevenção e fiscalização realizado pela Prefeitura e executado com maestria pelos funcionários da área da Saúde, aliando a vacinação efetuada no município e também da conscientização de boa parte da  nossa população que têm evitado as aglomerações. O comércio também respeitando os protocolos ajudou no alcance dessa marca que poucos municípios conseguem, ficar mais de um mês sem registro de óbitos pela Covid. Vamos continuar nossa luta no combate a pandemia. Logo, logo tudo voltará ao normal”, afirmou o prefeito Sissi Viana. 

Nesta quarta, vale destacar, a Prefeitura estará realizando, durante todo o dia, a imunização de pessoas com idade a partir dos 45 anos.

A primeira dose da vacina está disponível na Praça da Matriz. É necessário que o cidadão apresente documento de identificação com foto; cartão do SUS; carteira de vacinação; e comprovante de residência.

Godofredo Viana, desde o primeiro semestre, vem se destacando no trabalho de imunização da população.
O município já vacinou 93,09% do público para o qual as vacinas foram destinadas.
A cidade alcançou o primeiro lugar no pódio de vacinação dentre as cinco cidades da região Oeste; e o segundo lugar entre as cidades da Regional de Zé Doca.

URGENTE: Polícia Federal realiza operação contra a exploração sexual de crianças e adolescentes em várias cidades do Maranhão


A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta quarta-feira, 14/07/2021, nas cidades de Água Doce do Maranhão/MA, Barra do Corda/MA, Jenipapo dos Vieiras/MA e Tuntum/MA, a Operação LUNA PARK MA para promover a repressão
à divulgação de imagens e vídeos de exploração sexual de crianças e adolescentes na internet.

Os suspeitos foram identificados em investigações iniciadas a partir de relatório produzido pela Núcleo de Repressão aos Crimes de Ódio e à Pornografia Infantil na Internet da Polícia Federal (NURCOP), em cooperação com a Polizia Di Stato – Compartimento Polizia Postale Delle Comunicazioni Lombardia, no âmbito da Operação da polícia postal italiana denominada LUNA PARK (https://www.commissariatodips.it/notizie/articolo/operazione-luna-park/index.html).

Três maranhenses são investigados por terem participação ativa em grupos de aplicativos de troca de mensagens dedicados ao compartilhamento de arquivos contendo imagens de exploração sexual de crianças e adolescentes, utilizando terminais telefônicos vinculados ao Maranhão.

Neste contexto, na data de hoje, 16 (dezesseis) policiais federais deram cumprimento a 04 (quatro) mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça Federal de São Luís/MA, decorrentes de representações apresentadas pela Polícia Federal, objetivando arrecadar computadores, discos rígidos, mídias magnéticas, pen drives, bem como quaisquer outros materiais relacionados à pornografia infantil.

Durante as diligências, na cidade de Tuntum/MA, uma pessoa foi autuada em flagrante pela posse de centenas de arquivos com imagens de abuso sexual de crianças e adolescentes, que estavam armazenadas em seu celular.

Se confirmadas as suspeitas, os investigados responderão pelas penas do delito de armazenamento de imagens e vídeos de exploração sexual infantil (Art. 241-B, do ECA) que podem chegar a 4 (quatro) anos; e pelo crime de disponibilização/divulgação de material de pornografia infantil (Art. 241-A, do ECA) podendo chegar a 6 (seis) anos por cada compartilhamento realizado. A denominação LUNA PARK MA é uma referência à operação realizada pela polícia postal italiana.

Ministério da Saúde pede parecer dos estados antes de decidir sobre antecipação de 2ª dose

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, solicitou ontem, em reunião com governadores, que as gestões estaduais encaminhem pareceres técnicos das suas equipes de Saúde que embasem os pedidos de mudança do protocolo de imunização com as vacinas da Pfizer e da AstraZeneca.

Atualmente, o Brasil adota como protocolo um intervalo de 90 dias entre a primeira e a segunda doses desses imunizantes – embora em vários países a segunda dose seja aplicada apenas 21 dias após a primeira.

Alguns estados, no entanto, já anunciaram que adotarão esse novo protocolo. Os governadores querem unificar os procedimentos. Mas o Ministério da Saúde ainda avaliará a questão. Para Marcelo Queiroga, essas decisões precisam ser baseadas em informações técnicas.

Durante a reunião, os gestores também trataram com o titular da pasta sobre a possibilidade de estabelecimento de um cronograma mais detalhado da entrega de vacinas.

Segundo o governador do Piauí e coordenador do enfrentamento à Covid-19 no Fórum Nacional de Governadores, Wellington Dias, o Ministério deve apresentar um detalhamento semanal sobre as entregas de doses.

Queiroga confirmou que ainda em julho devem ser repassadas mais de 40 milhões de doses aos estados. E outros 60 milhões em agosto.

sexta-feira, 9 de julho de 2021

Sissi Viana dialoga com secretários do Governo em busca de mais benefícios para Godofredo Viana


O prefeito Sissi Viana, da cidade de Godofredo Viana, na região Leste do Maranhão, reuniu-se, esta semana, com secretários estaduais, oportunidade na qual dialogou acerca de novos benefícios para a cidade e sua população.

Sissi esteve com o deputado federal licenciado e secretário das Cidades e do Desenvolvimento Urbano, Márcio Jerry. Também participaram da reunião o secretário municipal de Saúde de Godofredo Viana, Emanuel Coimbra, e o assessor especial da pasta, Gessiel Neres.

O prefeito solicitou ao auxiliar do governador Flávio Dino a parceria do Estado no sentido de que sejam formalizadas parcerias institucionais que contribuam para o desenvolvimento econômico e social de Godofredo Viana, além da promoção de uma melhor qualidade de vida aos godofredenses.

Jerry agradeceu a visita e empenho do gestor e garantiu que conversará com o governador objetivando fazer com que as demandas sejam atendidas com a maior brevidade possível.

Sissi Viana também reuniu-se com o secretário Marvio Rocha, da pasta da Agricultura Familiar.

Foram iniciadas tratativas para que o município faça a adesão ao programa Água Doce.
“Reuniões muito proveitosas e que irão gerar bons frutos para o município de Godofredo Viana. Agradeço a receptividade dos secretários e ao próprio governador, que sempre mostra-se interessado em atender as reivindicações”, comentou o prefeito.

Dino anuncia nova etapa de flexibilização das medidas contra Covid


O governador Flávio Dino (PSB) anunciou nesta manhã, durante entrevista coletiva por vídeo conferência, uma nova etapa de flexibilização das medidas restritivas de combate ao novo coronavírus no Maranhão.

Academias de ginástica e supermercados, por exemplo, estão autorizados a funcionar das 6h da manhã até a meia noite.

Os Shoppings podem operar das 10h às 22h. Já estabelecimentos comerciais, como bares e restaurantes, tiveram o horário de funcionamento prolongado mais uma vez e podem ficar abertos até a meia noite.

Igrejas e academias podem funcionar com 70% de suas capacidades. As repartições estaduais seguem funcionando com até 80% das atividades presenciais

Dino afirmou que a Secretaria de Estado da Saúde monitora o processo de disseminação no país de uma variante indiana, denominada de Delta. Porém, disse que no Maranhão não há motivos para preocupação.

O governador lamentou o fato de, neste momento, 67 municípios não terem atingido o percentual de 85% de aplicação da vacina contra Covid, o que impede que estas cidades, conforme decreto estadual, recebam novas doses.

De acordo com boletim epidemiológico divulgado pela SES, o Maranhão possui 324.015 casos de pacientes que testaram positivo para a doença.

33.463 pacientes estão ativos. 281.296 conseguiram se recuperar e 9.256 faleceram.

Nas últimas 24 horas, 145 novos casos foram registrados na Grande Ilha de São Luís; 52 em Imperatriz; e 775 no interior do Estado.

A taxa de ocupação de leitos públicos de UTI para tratamento da doença na região metropolitana é de 81,72%; 51,39% em Imperatriz; e 61,32% no interior.

quarta-feira, 7 de julho de 2021

Polícia Civil apreende caminhão com mais de meia tonelada de pasta base de cocaína em Pinheiro

Na manhã desta quarta-feira(7), a Polícia Civil do Maranhão conseguiu interceptar um grande carregamento de drogas no Terminal do Cujupe, na cidade de Pinheiro, região da Baixada Maranhense. No total, os policiais civis apreenderam 626 quilos de pasta base de cocaína que estava sendo transportada em um fundo falso de um caminhão que carregava frangos .

Durante a ação policial , a Polícia Civil de Pinheiro conseguiu prender o motorista do caminhão e mais dois homens que estavam em outro veículo que fazia a escolta no transporte dos entorpecentes que partiu de São Luís com destino a Pinheiro. A apreensão é fruto de uma minuciosa investigação coordenada pela Delegacia Regional de Pinheiro com apoio do setor de inteligência que apurava um esquema organizado de transporte de drogas entre a capital e a baixada .
Essa já é considerada, uma das maiores apreensões de drogas desse tipo nos últimos anos no Maranhão. Os três homens foram presos em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico.

sábado, 3 de julho de 2021

Destroços de avião de guerra dos Estados Unidos usado na Segunda Guerra são encontrados no litoral do Maranhão

Descoberta aconteceu nesta semana na Baía de Tubarão, no município de Humberto de Campos. Avião tipo Bombardeiro B-25, fazia rota entre África e o Brasil, e caiu há 78 anos no litoral maranhense.


Destroços de avião de guerra dos Estados Unidos são encontrados no litoral do Maranhão — Foto: Almir Praseres

Destroços de uma aeronave dos Estados Unidos, de 1943, usada durante a Segunda Guerra Mundial, foram encontrados na Baía do Tubarão, no município de Humberto de Campos, cidade a 153 km de São Luís e localizado no norte do Maranhão.

O achado histórico e inusitado aconteceu durante uma oficina ministrada pela Secretaria de Estado do Trabalho e da Economia Solidária do Maranhão (Setres), na última semana. A aeronave caiu há 78 anos no litoral maranhense.

Os destroços são parte do avião tipo Bombardeiro B-25, que fazia rota entre África e o Brasil. A aeronave era um modelo clássico usado durante a Segunda Guerra Mundial, por conter um bom armamento defensivo e sendo empregado com sucesso em missões na África, Mediterrâneo e Itália.

A aeronave chegou a ser fornecida há vários países aliados dos Estados Unidos durante a Segunda Guerra, como a China, Indonésia, França e o Brasil.

Destroços da aeronave norte-americana foram encontrados durante oficina realizada pela Secretaria de Estado do Trabalho e da Economia Solidária do Maranhão (Setres). — Foto: Almir Praseres

Após a descoberta, um integrante da equipe técnica da secretaria, o escritor Wellington Matos, entrou em contato com o Departamento de Forças Armadas dos Estados Unidos, que confirmou que se tratava de um avião que pertenceu à frota norte-americana.

Segundo o departamento, a aeronave seguia para o norte da África, para participar de confrontos de guerra. Durante a viagem, o avião com seis militares norte-americanos passou por problemas e caiu. Toda a tripulação morreu.

Imagem do Bombardeiro B-25D, avião militar de guerra dos Estados Unidos, encontrado esta semana no Maranhão — Foto: Reprodução/Aviões Militares

Com a ajuda de pescadores experientes da região e equipes da secretaria, foi iniciado o resgate dos restos da aeronave. Foram usados detectores de metal, sensor de batimetria e a partir disso, foi localizado o trem de pouso do avião, que pesa aproximadamente 5 toneladas.

“A queda do Bombardeiro B-25D, durante a II Guerra Mundial, é um caso de um acidente que estava afundado na história. Era de conhecimento de alguns moradores, de forma superficial, mas não havia uma correlação do que se tratava, ou sua finalidade”, explica Wellington Matos.

De acordo com a Prefeitura de Humberto de Campos, a descoberta vai estimular a criação do Museu Histórico do município e enriquecer a história do município, que tem pouco mais de 26 mil habitantes.

Trem de pouso da aeronave foi encontrada nesta semana, na Baía do Tubarão, no Maranhão. — Foto: Almir Praseres

Por G1 MA 

Prefeituras de Carutapera, Cândido Mendes e Godofredo Viana desmentem reportagem da Folha de São Paulo sobre vacinas vencidas

As Secretarias de Saúde dos municípios de Carutapera, Godofredo Viana e Cândido Mendes desmentiram uma reportagem da Folha de São Paulo a respeito de aplicações de possíveis vacinas vencidas nestes e em outros municípios do Maranhão.

De acordo com a matéria do Jornal Paulista, pelo menos 26 mil doses da vacina AstraZeneca foram aplicadas em diversos postos de saúde do país, o que teria comprometido a proteção de pessoas contra a Covid-19. Segundo a Folha, até 19 de junho, os imunizantes com prazo de validade expirado, teriam sido utilizados em 1,532 municípios brasileiros.

No Maranhão também foram identificados municípios que receberam doses aplicadas depois do vencimento. Após a reportagem, as prefeituras trataram de desmentir os dados e disseram que todas as vacinas foram aplicadas corretamente e dentro do prazo de validade, seguindo o Plano Municipal de cada município.
A prefeitura de Carutapera disse que todas as vacinas que estão sendo aplicadas na população estão com data normal de validade. E enfatizou que Infelizmente pessoas irresponsáveis, não sabem com qual intenção procuram prejudicar o trabalho seguro e responsável do plano de municipal de vacinação.

Polícia Federal desarticula quadrilha que falsificava e vendia diplomas no Maranhão e mais 4 estados

A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira (2) a Operação “Falsarius”, com o objetivo de apurar a comercialização e falsificação de títulos de especializações nos estados do Maranhão, Mato Grosso, Pará, Piauí e no norte do Tocantins.

Aproximadamente 10 Policiais Federais dão cumprimento a 3 Mandados de Busca e Apreensão, expedidos pela Justiça Federal de Araguaína/TO, nos municípios de Araguaína/TO e Araguatins/TO.

Os investigados, por meio de institutos de ensino, ofereciam cursos de mestrado e doutorado e, ao final, forneciam diplomas falsos em nome de Universidades localizadas no estado de São Paulo/SP. Identificou-se que os suspeitos, se utilizando do mesmo “modus operandi”, atuaram em outros estados da federação.

Os investigados poderão responder, na medida de suas responsabilidades, pelos crimes de estelionato e falsificação de documento público, cujas penas somadas, ultrapassam 10 (dez) anos de reclusão.

Destaca-se que em razão da pandemia, foi adotada logística especial de prevenção ao contágio com distribuição de EPI’s a todos os envolvidos, a fim de preservar a saúde dos policiais, testemunhas e investigados.

sexta-feira, 2 de julho de 2021

PRF apreende mais de 100 quilos de droga em menos de 12 horas no Maranhão

As apreensões foram realizadas em três pontos do Estado, durante mais uma etapa da Operação Rota Brasil, realizada pela PRF para combater a criminalidade.



PRF apreende mais de 100 quilos de droga em menos de 12 horas no Maranhão — Foto: Divulgação/PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) fez três apreensões de drogas em menos de 12 horas no Maranhão, totalizando 110 quilos de maconha, um quilo de crack e um quilo de cocaína apreendidos. As apreensões foram realizadas em três pontos do Estado, durante mais uma etapa da Operação Rota Brasil, realizada pela PRF para combater a criminalidade.

PRF apreende mais de 100 quilos de droga em menos de 12 horas no Maranhão — Foto: Divulgação/PRF

A primeira apreensão aconteceu por volta das 18h10 dessa quinta-feira (1º), no km 129 da BR-010, no município de Estreito, quando a equipe da PRF realizou abordagem a um veículo Wolksvagen/T Croos.

No carro viajava um casal que demonstrou nervosismo e diversas contradições durante a abordagem policial. Na revista feita no interior do veículo, a PRF encontrou diversos tabletes de droga no porta-malas e escondidos na lataria do veículo, totalizando em aproximadamente 106 quilos de maconha, que estavam sendo transportados de Campo Grande, em Mato Grosso do Sul, para São Luís, no Maranhão.

Diante dos fatos, foi realizada a prisão dos envolvidos e a apreensão das drogas.

A segunda ocorrência se deu por volta das 21h de quinta, no km 84 da BR-135, no município de Itapecuru-Mirim, quando a equipe da PRF, com o apoio da Polícia Civil, e uso de cães farejadores, realizava abordagens a veículos de transporte coletivo de passageiros e durante a fiscalização de um ônibus de linha de transporte regular de passageiros foi encontrado em poder de uma passageira do veículo uma sacola com 1 kg de cocaína.

Segundo ela, a droga estava sendo transportada de Imperatriz para Bacabeira. Em consulta aos sistemas de segurança pública constatou-se que a portadora da droga já teve outras duas passagens pelo sistema prisional em razão do crime de tráfico de drogas. Foi realizada a prisão da envolvida e a apreensão das drogas.

Por fim, a terceira ocorrência se deu por volta de 1h50 desta sexta-feira (2), no km 264 da BR-316, no município de Santa Inês, quando a equipe da PRF realizou abordagem a um ônibus da empresa Satélite Norte e um dos passageiros do veículo, além de possuir contra sim um mandado de prisão em aberto, portava em sua mochila 5 kg de maconha, um Kg de crack, e 8 pacotes de material de embalagem para da droga.

Durante a entrevista ele informou que estava transportando as drogas de Imperatriz para Itapecuru Mirim, diante dos fatos o homem foi preso, e as drogas apreendidas.

As drogas e os envolvidos nas três ocorrências foram encaminhados à Polícia Civil dos locais das apreensões.

Por G1 MA

Mais de 1.200 vacinas AstraZeneca foram aplicadas fora do prazo de validade no Maranhão

Segundo registros oficiais, cerca de 26 mil doses da AstraZeneca fora da validade foram aplicadas em 1.532 municípios



Pouco mais de 1200 doses da vacina AstraZeneca foram aplicadas fora do prazo de validade no Maranhão. No país ao menos 26 mil doses vencidas do imunizante foram distribuídos em diversos postos de saúde de todo o país, o que compromete sua proteção contra a Covid-19. Os dados constam de registros oficiais do Ministério da Saúde.

Até o dia 19 de junho, os imunizantes com o prazo de validade expirado haviam sido utilizados em 1.532 municípios brasileiros e 80 cidades maranhenses.

No Maranhão, as cidades de São Luís, Presidente Dutra e Tuntum foram as que mais aplicaram vacinas vencidas.

No Brasil, a campeã no uso de vacinas vencidas é Maringá, reduto eleitoral de Ricardo Barros (PP), líder do governo Bolsonaro na Câmara dos Deputados. A cidade paranaense vacinou 3.536 pessoas com o produto da AstraZeneca fora da validade (primeira dose em todos os casos).

Depois aparecem Belém (PA), com 2.673, São Paulo (SP), com 996, Nilópolis (RJ), com 852, e Salvador (BA), com 824. As demais cidades aplicaram menos de 700 vacinas vencidas, sendo que a maioria não passou de dez doses.

A secretaria Estadual de Saúde do Maranhão ainda não se manifestou sobre.

A validade

Segundo a bula da vacina no site da Anvisa, a validade do imunizante é de seis meses a partir da data de fabricação, e o produto não deve ser usado após o prazo previsto. “Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original”, diz o documento oficial.

De acordo com o registro no Ministério da Saúde, o lote 4120z001 foi autorizado para ser distribuído em 24 de fevereiro e vencia em 29 de março. A maior parte dos casos de aplicação de vacinas vencidas mapeados pela reportagem se refere a esse lote. Foram 869 casos identificados em cinco estados. Já os lotes 4120Z004 – com 108 casos em cinco estados – e 4120Z005 – 277 casos em 17 Unidades da Federação – foram autorizados em 22 de janeiro e venceram em 13 e 14 de abril, respectivamente.

Roseana Sarney assume comando do MDB no Maranhão

A ex-governadora Roseana Sarney foi eleita, nesta sexta-feira (2), por unanimidade presidente do partido Movimento Democrático Brasileiro (MDB), no Maranhão. O vice-presidente é o deputado estadual Roberto Costa. A convenção foi realizada de forma híbrida em São Luís.

Roseana destacou que recebe o MDB bem estruturado e pronto para as lutas políticas em 2022.

“Primeiro agradecer o trabalho que João Alberto fez à frente do MDB. Foram décadas à frente do MDB, ele fez com que o partido crescesse e desenvolvesse e agora eu vou assumir essa responsabilidade de fazer com que o partido cresça mais que a gente monte mais diretórios regionais, ano que vem nas eleições que possamos eleger o maior número possível de deputados federais, estaduais e vamos trabalhar no MDB e expandir o partido para todos os municípios maranhenses. Eu estou bem tranquila de assumir o MDB já bem preparado para enfrentar as lutas que nós teremos no ano que vem”, disse.

Segundo Roseana, o MDB é o maior partido político do país e deve voltar a ter influência no Brasil.

“Nós estamos vendo com otimismo porque nós vamos ter chapa em todos os estados do Brasil. Nós vamos concorrer e fazer uma grande bancada de deputados federais, deputados estaduais e estamos pensando também como nós vamos concorrer ou entrar na disputa para presidente, governo dos estados, senadores, enfim, o MDB é um partido forte, é o maior partido do Brasil, tem o maior número de prefeitos em todo o nosso país e vamos lutar para que o partido volte a ter mais influência no Brasil porque o partido foi o responsável pela redemocratização no nosso estado e, portanto tem um papel importante na nossa história”, afirmo.

A ex-governador que tem sido cotada para disputar uma vaga na Câmara dos Deputados não quis falar sobre o seu futuro político.

“Olha, tudo isso nós vamos discutir e debater dentro do partido. Antes disso eu não posso falar”, explicou.

Roseana Sarney disse que se sente feliz com o bom desempenho demonstrado nas pesquisas e que isso é o reconhecimento pelo seu trabalho no Maranhão.

“Eu fico feliz porque é o reconhecimento do nosso trabalho. Já tem alguns anos que eu já estou fora, não fora da política, mas de exercer algum cargo, então é muito importante esse reconhecimento do povo maranhense”, finalizou.

Foto: Matheus Soares/O Estado do Maranhão

Dino acredita que o MA já atravessou terceira onda e flexibiliza medidas



O governador do Maranhão, Flávio Dino (PSB), iniciou a coletiva desta sexta-feira (02), destacando que houve um avanço na imunização no estado e que isso só foi possível graças a participação do Governo do Maranhão através dos arraiais de vacinação.

Dino também destacou que, baseado em gráficos com número de internados e óbitos no Maranhão, o estado já teria atravessado a terceira onda da Covid-19.

O governador voltou a celebrar que o Maranhão é o estado com a menor taxa de óbito por milhão de habitante pelo coronavírus.

Por conta de uma melhora no quadro da pandemia no Maranhão, Flávio Dino decidiu flexibilizar as medidas restritivas, aumentando a quantidade de pessoas nos eventos de 100 para 150 pessoas e o horário para bares e restaurantes foi estendido até a meia-noite. Além disso, igrejas, academias e outros estabelecimentos que estavam funcionando com a capacidade 50%, passam a a funcionar com 70% de sua capacidade.

No entanto, Flávio Dino deixou claro que se os números voltarem a piorar as medidas podem regredir.

É aguardar e conferir.

Jorge Aragão

Homem é preso suspeito de estuprar filha de 14 anos no Maranhão

Homem é preso suspeito de estuprar filha de 14 anos no Maranhão — Foto: Getty Images

Um homem foi preso suspeito de estuprar a filha de 14 anos no município de Arame, a 475 km de São Luís, nessa quinta-feira (1°). De acordo com a polícia, a prisão ocorreu no Povoado Piçarreira.

Ainda de acordo com a polícia, a vítima confirmou os abusos sexuais sofridos que, segundo ela, se iniciaram quando tinha onze anos de idade, tendo persistido os estupros até os 14 anos de idade.

A prisão faz parte da Operação “Acalento”, que tem como objetivo combater os crimes de abusos sexuais contra crianças e adolescentes. O preso foi encaminhado a uma Unidade Prisional da região e está a disposição da Justiça.

quinta-feira, 1 de julho de 2021

Em Codó mulher é assassinada com tiro de espingarda

De acordo com a Polícia Civil do Maranhão, o suspeito de ter praticado o crime é o namorado da vítima.


Foto: Reprodução

Por: O Imparcial

Durante a noite de quarta-feira (30), uma mulher, que foi identificada como Raimunda Maria Queiroz Cruz, de 33 anos, foi morta com um tiro de espingarda. De acordo com a Polícia Civil do Maranhão, o suspeito de ter praticado o crime é o namorado da vítima.

O crime ocorreu por volta das 23h55, na rua Francisco Bernardino, no bairro Codó Novo, que fica localizado no município de Codó.

Testemunhas teriam afirmado que Raimunda Maria estava em casa, quando o seu namorado, que não teve o nome revelado, chegou no local armado e começou uma discussão.

No momento da confusão, o homem teria pego a espingarda e atirou contra a vítima, acertando a região na clavícula, ela acabou morreu no local. Raimunda Maria foi assassinada na frente de seus quatro filhos, que são menores de idade.

De acordo com o delegado Benedito, da Delegacia Regional de Codó, os vizinhos teriam ouviram os tiros e foram até a casa da vítima, flagrando o namorado de Raimunda. Os populares até tentaram deter o suspeito, entretanto ele conseguiu fugir e ainda não foi localizado pela polícia.

O caso foi registrado como feminicídio na 4ª Delegacia Regional de Polícia Civil e está sendo investigando.

Em nota, ex-prefeito de Cândido Mendes diz que houve equivoco do TCE e afirma que prestou contas


Ex-prefeito de Cândido Mendes, Jofran Braga - Foto Neto Weba
O Ex-Prefeito de Cândido Mendes – MA, Jofran Braga Costa, por meio de Nota prestou esclarecimentos sobre a prestação de contas referente a 3 meses da sua gestão no Município de Cândido Mendes-MA em 2020.
Segundo Jofran as contas de sua gestão foram devidamente prestadas no prazo legal, conforme  recibos anexos, os quais foram disponibilizados juntamente com a presente Nota.  Veja aqui a Nota

Jofran diz ainda que a Prestação de Contas que consta como reprovada não é dele.
A inclusão do seu nome na lista de inadimplentes fora feita de forma equivocada pelo Tribunal de Contas do Estado do Maranhão, razão pela qual já apresentou os recibos e solicitou a exclusão do seu nome da referida lista.
À população de Cândido Mendes, deixo aqui a mensagem de que irei demonstrar e comprovar a regularidade de todos os atos do meu governo e com a benção e força de Deus e jogar por terra todas as acusações que tem sido feitas indevidamente contra mim.

Foto Reprodução

Com regime previdenciário próprio, Município de Godofredo Viana garante aposentadoria de servidores

Em solenidade realizada nesta quarta-feira (30), durante o encerramento do período legislativo da Câmara Municipal de Godofredo Viana, o prefeito Sissi Viana (Republicanos) entregou a seis servidores do Município seus atos de aposentaria. 

O Município de Godofredo Viana, desde 2019, possui regime previdenciário próprio, o que foi possível graças a projeto de lei elaborado pela gestão Sissi Viana e aprovada pelos vereadores. 

O regime próprio, além de corrigir um caos administrativo instaurado em governos anteriores, está permitindo ao funcionalismo que já tem direito de se aposentar encerrar suas atividades com salários justos e acima do mínimo determinado pelo Governo Federal. 

Godofredo Viana, vale destacar, é o único município da região Central do Estado que possui previdência própria, o que ratifica, mais uma vez, o compromisso de Sissi com os servidores da Prefeitura.

quarta-feira, 30 de junho de 2021

PRF apreende caminhão com carga de madeira irregular em Imperatriz

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o condutor, um homem de 42 anos, tem domicílio registrado no estado do Tocantins.



PRF apreende caminhão com carga de madeira irregular em Imperatriz — Foto: Divulgação/PRF

Um carregamento de madeira nativa irregular foi apreendido, nessa terça-feira (29), no km 260 da BR-010, no município de Imperatriz, a 633 km de São Luís. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o condutor, um homem de 42 anos, tem domicílio registrado no estado do Tocantins.

Ainda de acordo com a PRF, não foi apresentado, ainda que obrigatório, o Documento Auxiliar do Conhecimento de Transporte Eletrônico (DACTE). No momento da examinação da carga, os agentes da PRF verificaram várias irregularidades, como perfis transportados, que deveriam ser de algumas poucas espécies de madeira, mas divergiam bastante do assinalado na nota fiscal, o que invalidou o Documento de Origem Florestal (DOF).

Segundo a PRF, foram constatados ocorrência de transportar, adquirir, vender, madeira, lenha, carvão sem licença válida e uso de documento falso. A carga e o caminhão permanecem retidos na Unidade Operacional de Imperatriz à disposição do órgão ambiental. O suspeito foi encaminhado para a unidade da Polícia Federal em Imperatriz.

Por G1 MA 

Cândido Mendes| Resolução do TCE declara o ex-prefeito Jofran Braga inadimplente



O Tribunal de Contas do Estado (TCE) editou a Resolução n° 345, publicada no Diário Oficial Eletrônico do TCE em 16 de junho, que declara inadimplentes os prefeitos e os presidentes de câmaras municipais que não apresentaram à instituição de controle externo as prestações ou tomadas de contas anual relativas ao exercício financeiro de 2020.

A providência ampara-se no exercício das competências constitucionais e legais da Corte de Contas maranhense, no que dispõe a Lei nº 8.258, de 6 de junho de 2005 (Lei Orgânica do TCE) e no art. 172, incisos I, II e III, da Constituição Estadual.

A resolução determina a imediata instauração de tomada de contas dos fiscalizados inadimplentes, medida em que o TCE solicita, mais uma vez, que os gestores entreguem ao órgão os documentos que constituem a prestação de contas.

Caso a situação de inadimplência permaneça, técnicos do TCE podem se dirigir às sedes das prefeituras e câmaras municipais para ter acesso aos documentos que não foram entregues ao órgão em cumprimento ao dever constitucional de prestar contas. Em razão da atual pandemia, esse procedimento será utilizado apenas em caso de extrema necessidade e com estrita obediência aos rígidos protocolos sanitários que já vêm sendo utilizados pela instituição.

A permanência na condição de inadimplentes faz com que os fiscalizados estejam sujeitos às sanções previstas no ordenamento jurídico, podendo chegar à condição de serem declarados inelegíveis pelos órgãos responsáveis pela confirmação do registro de eventuais candidaturas.

Para o secretário de fiscalização do TCE, a declaração de inadimplência permite a continuidade dos procedimentos de auditagem realizados pela instituição, agora por meio de todas as medidas que fazem parte do processo de tomada de contas. “A condição de inadimplência em relação ao TCE é um forte indício de má qualidade na gestão ou de eventuais irregularidades no uso dos recursos públicos. Gestores que valorizam a probidade e a transparência cumprem dentro dos prazos legais o dever constitucional de prestar contas”, ressaltou Fábio Alex.

A Resolução n° 345 declarou inadimplentes, na condição de prefeitos, os seguintes fiscalizados do TCE: Cleomar Tema Carvalho Cunha (Tuntum); Cristino Gonçalves de Araújo (Araioses); Jofran Braga Costa (Cândido Mendes); Luciene Alves Duarte (Bom Lugar); Rosária de Fátima Chaves (Cururupu) e Sydnei Costa Pereira (Anajatuba).

Em relação às câmaras municipais, foram declarados inadimplentes os seguintes legisladores: Jodevan Quixabeira da Silva (Tasso Fragoso); Josué Ferreira Carvalho (Turiaçu); Renato Araújo de Souza (Amapá do Maranhão); Rute do Nascimento Lima (Timbiras) e Wellington José Pereira Costa (Água Doce do Maranhão).

Ex presidente da Câmara de Amapá do Maranhão e Turiaçu são declarados inadimplentes pelo TCE


O Tribunal de Contas do Estado (TCE) editou a Resolução n° 345, publicada no Diário Oficial Eletrônico do TCE em 16 de junho, que declara inadimplentes os prefeitos e os presidentes de câmaras municipais que não apresentaram à instituição de controle externo as prestações ou tomadas de contas anual relativas ao exercício financeiro de 2020.

A providência ampara-se no exercício das competências constitucionais e legais da Corte de Contas maranhense, no que dispõe a Lei nº 8.258, de 6 de junho de 2005 (Lei Orgânica do TCE) e no art. 172, incisos I, II e III, da Constituição Estadual.

A resolução determina a imediata instauração de tomada de contas dos fiscalizados inadimplentes, medida em que o TCE solicita, mais uma vez, que os gestores entreguem ao órgão os documentos que constituem a prestação de contas.

Caso a situação de inadimplência permaneça, técnicos do TCE podem se dirigir às sedes das prefeituras e câmaras municipais para ter acesso aos documentos que não foram entregues ao órgão em cumprimento ao dever constitucional de prestar contas. Em razão da atual pandemia, esse procedimento será utilizado apenas em caso de extrema necessidade e com estrita obediência aos rígidos protocolos sanitários que já vêm sendo utilizados pela instituição.

A permanência na condição de inadimplentes faz com que os fiscalizados estejam sujeitos às sanções previstas no ordenamento jurídico, podendo chegar à condição de serem declarados inelegíveis pelos órgãos responsáveis pela confirmação do registro de eventuais candidaturas.

Para o secretário de fiscalização do TCE, a declaração de inadimplência permite a continuidade dos procedimentos de auditagem realizados pela instituição, agora por meio de todas as medidas que fazem parte do processo de tomada de contas. “A condição de inadimplência em relação ao TCE é um forte indício de má qualidade na gestão ou de eventuais irregularidades no uso dos recursos públicos. Gestores que valorizam a probidade e a transparência cumprem dentro dos prazos legais o dever constitucional de prestar contas”, ressaltou Fábio Alex.

A Resolução n° 345 declarou inadimplentes, na condição de ex presidente da câmara municipal de Amapá do Maranhão, Renato Araújo de Souza e Josué Ferreira Carvalho da cidade de Turiaçu. Além deles consta também, Jodevan Quixabeira da Silva (Tasso Fragoso); Rute do Nascimento Lima (Timbiras) e Wellington José Pereira Costa (Água Doce do Maranhão).

Prefeito Sissi Viana vistoria obra histórica de pavimentação em Godofredo Viana

O prefeito Sissi Viana, do município de Godofredo Viana, vistoriou, esta semana, obras de pavimentação que estão sendo executadas na cidade....