sexta-feira, 28 de janeiro de 2022

Prefeito obtém duas novas viaturas policiais para Godofredo Viana

O prefeito Sissi Viana recebeu nesta sexta-feira (28) duas novas viaturas policiais que irão ampliar e reforçar o serviço de segurança pública no município de Godofredo Viana.

O gestor recebeu o benefício diretamente do governador Flávio Dino, que esteve na cidade no período da manhã.

As viaturas são fruto de pedidos feitos por Sissi ao Governo do Estado.

“Recebi, há pouco, das mãos do governador Flávio Dino as chaves de duas viaturas policiais destinadas ao reforço da segurança e patrulhamento na nossa cidade. Agradeço o governador pela parceria e por estar atendendo aos pleitos que levamos em benefício do povo godofredense”, disse o prefeito.

Também participaram do ato o deputado estadual Ricardo Rios; lideranças políticas e comunitárias; além de secretários municipais.

Velocidade de transmissão do novo coronavírus na região é algo sem precedentes


Godofredo Viana se destaca na região pela realização diária de testes rápidos da covid-19

Nas últimas semanas, Godofredo Viana e várias outras cidades da região voltaram a atingir altas taxas de contágio da Covid-19, em um ritmo que não era visto desde o início da pandemia, em 2020.

A nova variante do vírus está se alastrando rapidamente, o que é evidenciado pelas atualizações dos boletins epidemiológicos divulgados pelas Secretarias Municipais de Saúde. Somente em Godofredo Viana, os casos ativos de Covid-19 passaram de três casos ativos para 266 em poucos dias.

Estima-se que mais da metade dos moradores dos municípios da região esteja contaminada com o novo coronavírus, tendo em vista que a maior parte dos testes está apresentando resultados positivos para a doença.

Em Godofredo Viana o secretário Municipal de Saúde destacou o avanço do município na realização de testes rápidos em pessoas com sintomas da covid-19. "Nosso objetivo é ganhar mais velocidade no diagnóstico de pessoas contaminadas", explica.

Desde o dia 17/01 a Secretaria Municipal da Saúde (SEMUS) vem ampliando os locais para realização dos testes rápidos de antígenos. A medida faz parte de uma mudança de estratégia da secretaria para frear a propagação da variante Ômicron, dando o diagnóstico com rapidez para quem apresenta sintomas da nova cepa. O teste fica pronto em menos de 30 minutos. “Quanto antes o resultado, mais cedo conseguimos isolar o indivíduo que testa positivo. Assim evitamos a proliferação da doença", destaca o secretário Emanuel Coimbra.


As Secretarias de Saúde dos municípios reforçam a importância da população em manter os cuidados sanitários para evitar a propagação do vírus, além de tomar as doses da vacina anti-covid.

Confira o Boletim Epemiológico dos municípios da região. ( OBS: apenas Cândido Mendes não tem divulgado diariamente o Boletim )





Justiça suspende licenças de mineradora por atividade irregular em Centro Novo

 

A Justiça Federal no Maranhão concedeu liminar determinando que o Estado do Maranhão abstenha-se de iniciar ou dar continuidade a qualquer processo de licenciamento ambiental, conceder ou renovar licenças de operação, para a empresa J & A Mineração Ltda, atualmente, A G da Silva Mineração Eireli e os seus sócios-administradores, em razão de atividade minerária irregular, realizada no município de Centro Novo.

A Corte atendeu ao pedido proposto em ação civil pública pelo Ministério Público Federal (MPF).

Segundo o MPF, a empresa ocupou área situada na região da Amazônia Legal, com o intuito de explorar ouro de forma indevida. Dessa forma, dissimulou informações para afastar a exigência de título minerário e obter licenças ambientais sem a intervenção da Agência Nacional de Mineração (ANM). Além disso, a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais (Sema) concedeu autorização para exploração da área sem efetiva avaliação dos documentos, estudos e informações obtidas no curso do processo de licenciamento.

A insuficiência de informações resultou na incompatibilidade entre a descrição da atividade executada pelo empreendimento e a classificação para a qual foi solicitado o licenciamento. Também constatou-se a precariedade da análise dos documentos apresentados, uma vez que a Sema não se manifestou sobre a impossibilidade de exploração mineral na região, em virtude da consolidação do projeto de assentamento de reforma agrária Água Azul pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra).

A contínua exploração, realizada sem os cuidados técnicos necessários, acentuou a degradação ambiental na região da Amazônia Legal, provocando acúmulo de resíduos contaminantes e alto grau de letalidade, cavas de larga extensão e grande supressão de vegetação nativa.

Em vista disso, a Justiça Federal determinou que o Estado do Maranhão, por meio da Sema, não conceda ou renove licenças/autorizações para o desempenho de atividade de exploração minerária do empreendimento J & A Mineração Ltda, sob pena de multa de R$ 1 milhão. O valor fixado, no entanto, não impede a adoção de medidas que possibilitem o cumprimento da decisão, tais como, busca e apreensão, remoção de pessoas e coisas, impedimento de atividades nocivas, indisponibilidade de bens e valores, com requisição de força policial, se necessário.

Ministra do STF suspende pensão vitalícia de ex-governadores do Maranhão

A vice-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Rosa Weber, no exercício da Presidência, suspendeu decisões do Tribunal de Justiça do Estado do Maranhão (TJ-MA) que restabeleceram o pagamento da pensão mensal vitalícia aos ex-governadores Edison Lobão e José Reinaldo Carneiro Tavares. A decisão foi proferida na Suspensão de Segurança (SS) 5528.

No pedido, o Estado do Maranhão alegava que o restabelecimento do pagamento da pensão ofende a ordem administrativo-constitucional e a economia pública e descumpre decisão em que o STF declarou a inconstitucionalidade de dispositivo do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias da Constituição estadual e da Lei estadual 6.245/1994, que previam a concessão de subsídio mensal vitalício para ex-governador (ADI 3418).

Lesão à ordem pública

Ao conceder a liminar, a ministra Rosa Weber afirmou que as decisões do TJ-MA não estão em sintonia com o entendimento firmado pelo Supremo sobre o tema e que sua manutenção pode acarretar grave lesão à ordem pública e ao erário.

A vice-presidente explicou que, conforme disposto na Lei das ADIs (Lei 9.868/1999), em regra, a produção dos efeitos da decisão nas ações diretas de inconstitucionalidade é imediata e vincula a administração pública federal, estadual e municipal e os órgãos do Poder Judiciário. Assim, a questão não comporta mais controvérsia, uma vez que, no julgamento da ADI 3418, o STF pacificou entendimento de que o direito adquirido não é fundamento idôneo para a preservação do recebimento da pensão vitalícia.

quarta-feira, 26 de janeiro de 2022

Bebê está em coma após ser envenenado pelo ex-marido da mãe

Foto: Reprodução

Um bebê de seis meses está em coma após ter sido envenenado pelo ex-marido da mãe. A criança também acabou contraindo Covid-19. O caso aconteceu no município de Magalhães de Almeida.

O menino foi socorrido primeiro no hospital da cidade, mas com a gravidade do quadro, teve que ser transferido ao hospital de Parnaíba, no Piauí.

“Quando eu cheguei lá fora, o Gael chorou. Só que ele estava dormindo bem. Quando ele chorou, que eu volto, ele estava acordado e vi um pó preto nele tipo café, só que não era café, era tipo granulado. Então eu fui lá, lavei ele, só que tinha um cheiro estranho. Levei ele para o hospital e o rapaz falou que parecia chumbinho”, relatou a mãe.

No hospital foi constatado que a substância encontrada na criança era chumbinho. Segundo o delegado Alex Rêgo, o ex-marido da mãe da criança foi apontado como o principal suspeito do crime, pois não aceitava o fim do relacionamento. A mulher já está em outra relação e engravidou novamente.

O acusado, que não teve o nome revelado pela polícia, foi localizado e preso. Ele nega o crime mas testemunhas disseram que o viram saindo pelos fundos da residência da mãe da criança.

O delegado Alex Rêgo, afirmou que uma testemunha viu o suspeito sair da casa da mãe do bebê no dia em que ele foi envenenado. “A criança é fruto de um relacionamento extraconjugal. Então isso seria em tese o motivo que levou o acusado a envenenar o bebê. Ele negou que tivesse envolvimento, mas tem testemunha que disse que viu ele se evadindo do local pelos fundos da residência da mãe da criança e em razão disso foi feito o flagrante e foi homologado pelo poder judiciário”, disse.

Sete armas de fogo são apreendidas em Tasso Fragoso

A ação aconteceu após a guarnição de Rádio Patrulha receber uma denúncia de um desentendimento entre vizinhos


 

A polícia apreendeu, nessa terça-feira (25), sete armas de fogo na cidade de Tasso Fragoso, a 1.518 km de São Luís. Segundo informações da Polícia Militar, a ação aconteceu após a guarnição de Rádio Patrulha receber uma denúncia de um desentendimento entre vizinhos, no qual um dos envolvidos estava em posse de arma de fogo.

Apesar de não conseguir localizar os acusados, na área de conflito os policiais apreenderam três espingardas de percussão externa, duas cartucheiras calibre 36, uma cartucheira calibre 32 e uma garrucha. As armas de fogo foram apreendidas e encaminhadas a Delegacia de Polícia Civil para devidas providências.

Bebê de dois meses morre após ser deixado sozinho em casa em Penalva; pais são presos


Um homem e uma mulher foram presos na tarde desta segunda-feira (24), na cidade de Penalva, a 255 km de São Luís, por suspeita de causarem a morte do próprio filho, um bebê de dois meses.

Segundo informações, o caso aconteceu na região da Trizidela, na noite desse domingo (23).

O pai, de 28 anos, e sua companheira, de 20 anos, foram presos em flagrante. Eles responderão por abandono de incapaz e homicídio culposo.

Segundo investigação preliminar, o casal saiu de casa e deixou o bebê sozinho. Ao retornarem da festa, foram dormir. Quando acordaram, o bebê estava morto.

Uma tia ainda chegou a levar o menino ao hospital, na tentativa de reanimá-lo, mas ele já estava sem vida.

A polícia foi acionada e conduziu os pais à Delegacia Regional de Viana, onde ficarão presos à disposição da Justiça.

O corpo do bebê foi levado ao Instituto Médico Legal (IML), em São Luís, para apurar as causas da morte.

Com informações de Jailson Mendes

Prefeitura de Godofredo Viana realiza novo mutirão da testagem contra Covid nesta quarta (26)


A Prefeitura de Godofredo Viana realizará, nesta quarta-feira (26), mais uma etapa do mutirão da testagem contra Covid.

Desta vez, o trabalho será executado no Salão das Marujas, no horário das 8h às 17h, no Distrito de Aurizona.

Os documentos necessários são: Carteira do SUS, comprovante de residência e documento de identificação com foto.

Na semana passada, o trabalho esteve concentrado na região da sede do município.

O número de casos positivos da Covid-19 em Godofredo Viana tem aumentado nas primeiras semanas de 2022.

Desde que a Prefeitura disponibilizou a população teste em massa, os números de positivados só tem aumentado.

Para se ter uma ideia, até o dia 16 de janeiro, o município havia registrado, segundo dados divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde, apenas 03 casos ativos.

A testagem no município foi iniciada no dia 17 e já apresentou aumento significativo de nove novos casos.

Na noite de ontem (24), em novo Boletim Epidemiológico o município, já somava 74 casos positivados.

No inicio da noite de hoje, os dados apresentados, segundo Boletim Epidemiológico, os novos casos quase duplicaram, passando de 74 para 130 casos ativos. Veja Aqui

Casal que agrediu jovem negro é indiciado por tentativa de homicídio em Açailândia


A Polícia Civil do Maranhão concluiu o inquérito do caso de Gabriel da Silva Nascimento, de 23 anos, que foi agredido dentro do próprio carro, em frente de casa, em Açailândia, no Maranhão. Os acusados das agressões, o empresário Jhonnatan Silva Barbosa e a dentista Ana Paula Vidal, foram indiciados por tentativa de homicídio, com pena que varia de 6 a 20 anos de prisão.

Além do indiciamento dos acusados pelo crime, a polícia também pediu a prisão preventiva de Jhonnatan Silva, pois há indícios de que o agressor possa tentar fugir.

Antes da conclusão do inquérito, a Polícia Civil já havia representado pela prisão de Jhonnatan, mas o pedido foi negado. Agora, a polícia espera que a Justiça acate o novo pedido de prisão.

Segundo o delegado Saniel Ricardo Trovão, titular do 1° Distrito Policial de Açailândia, que presidiu o inquérito do caso Gabriel, a princípio o crime havia sido classificado como lesão corporal, mas, após receber do Instituto de Criminalística o laudo pericial das agressões sofridas por Gabriel, a configuração do crime mudou para tentativa de homicídio.

O inquérito aponta que Jhonnatan tentou sufocação indireta ao permanecer com os pés sobre o tórax da vítima. Ana Paula também teria tentado sufocar Gabriel ao se ajoelhar sobre o tórax e abdômen da vítima.

O crime


O crime aconteceu no dia 18 de dezembro de 2021, quando Jhonnatan e Ana Paula agrediram Gabriel o acusando de tentar roubar o próprio carro. O acusados do crime moram no mesmo prédio em que Gabriel residia.

Imagens de câmeras de segurança flagraram o momento em que Gabriel é abordado por Jhonnatan e Ana Paula, que mandam ele sair do carro. O jovem sai e coloca as mãos para cima, em sinal de rendição e depois passa a ser agredido com socos, chutes e pisões, tapas, sendo que e Ana Paula chega a colocar os joelhos na barriga da vítima, enquanto Jhonnatan pisa o pescoço do jovem.

Gabriel afirma ter dito aos agressores que era dono do carro e que o documento dele estava dentro do veículo, porém eles não deram atenção e o agrediram.

“Foi aqui que eu achei que iria morrer. É no momento que ele sobe em cima de mim, junto com ela, com os joelhos… Ali é sufocante, porque ela manda ele me imobilizar, pisando no meu pescoço. Eu me senti sem ar”, disse o jovem em entrevista ao Fantástico.

A sessão de espancamento só parou quando um vizinho viu a situação e reconheceu que a vítima morava no prédio e era dono do carro de onde foi retirado.

De acordo com Gabriel, ele estava a caminho da confraternização da empresa em que ele trabalha, quando de repente o casal agressor se aproximou do veículo dele e o arrancou do carro acusando Gabriel de ser um ladrão. O jovem, que trabalha como recepcionista de uma agência bancária, havia comprado o carro há 2 meses.

Ele tentou pedir socorro, mas não adiantou, pois continuou sendo agredido pelo casal com socos e pontapés. A vítima disse que foi ofendido enquanto recebia as agressões.

No dia das agressões, Gabriel foi à delegacia para fazer um boletim de ocorrência, mas em três tentativas diferentes, ele foi informado de que o sistema estava fora do ar. Por isso, só conseguiu registrar a queixa no dia seguinte, o que impediu a prisão em flagrante dos agressores.

terça-feira, 25 de janeiro de 2022

Maranhense é preso em São Paulo suspeito de injúria e difamação contra pessoas do Maranhão

José da Silva Frazão, conhecido como “Besouro Pagodinho”, passou a ser investigado após divulgar vídeos com discurso de ódio na internet.


"Besouro Pagodinho” publicava vídeos na internet proferindo discursos de ódio contra outros maranhenses. (Foto: Reprodução)


Nessa segunda-feira (24), a Polícia Civil do Maranhão e de São Paulo cumpriu um mandado de prisão contra José da Silva Frazão, conhecido como “Besouro Pagodinho”, suspeito pelos crimes de injúria e difamação.

Segundo a polícia, a investigação iniciou contra o suspeito, que é natural da cidade de Bacabal, no Maranhão, após ele proferir ameaças, desacato e injúrias contra policiais da delegacia regional do município de Zé Doca.

Ainda de acordo com a polícia, a equipe investigativa também tomou conhecimento que o suspeito havia proferido discurso racista e homofóbico, por meio de vídeo, afirmando que se candidataria a deputado federal para dividir o estado do Maranhão.

O suspeito afirmou que no novo estado “seriam expulsos os gays, lésbicas e pessoas de cor”. Após a declaração, foi iniciada uma investigação para apurar os crimes de injúria, desacato, ameaça e racismo.

A delegacia regional de Zé Doca representou pela prisão de Besouro Pagodinho, que foi deferida e cumprida nessa segunda, em São Paulo.

Agora, o preso se encontra à disposição do Poder Judiciário e as investigações avançam. A Justiça ainda irá decidir se Besouro Pagodinho irá responder pelos crimes de calúnia e difamação em São Paulo ou no Maranhão.

Com informações da SSP-MA

Em novo decreto, Prefeitura proíbe eventos públicos e privados e exige comprovante vacinal de servidores públicos em Godofredo Viana


O decreto divulgado pela Prefeitura de Godofredo Viana, nesta segunda-feira (24), reforça as medidas sanitárias de prevenção da Covid-19 no município. O documento é válido até dia 05 de março e reitera uma série de normas estabelecidas no cenário de combate à doença na cidade.

Ficam suspensos os eventos públicos e privados, como shows, festivais, música ao vivo, programações de carnaval e similares. Dessa maneira, está proibida no município a realização de eventos privados, em espaços abertos ou fechados.

Fica autorizado o funcionamento dos depósitos de bebidas, bares, restaurantes, pizzarias, conveniências, lanchonetes e congêneres, desde que a lotação não ultrapasse o percentual de 50% da capacidade física do ambiente, com funcionamento até as 22 horas.

Em relação as academias deve-se observar o limite do horário de funcionamento das 06h até as 22 horas; com nível de ocupação máxima de 50%.

É obrigatório a apresentação do comprovante de vacinação contra o Coronavírus (COVID-19) para ingresso nas unidades administrativas do Poder Público Municipal de Godofredo Viana, MA, por parte de servidores, independente da natureza do vínculo, colaboradores terceirizados e do público em geral;

Nas Igrejas, Templos ou qualquer recinto de culto religioso, assim como nas demais atividades religiosas de caráter coletivo, deve ser observado o nível de ocupação máxima de 50% (cinquenta por cento), da capacidade do templo ou congênere, observando o horário limite para funcionamento até às 22h;

Os supermercados, Lotéricas e Correspondentes Bancários, devem manter seu atendimento ao público, respeitando as regras estabelecidas pela ANVISA, em especial sobre o distanciamento mínimo de 01 (um) metro para cada pessoa na fila de espera, sendo obrigatório o uso de máscaras, estando com horário de funcionamento definido a partir de 6h até às 22h;

Quaisquer autoridades policiais e seus agentes deverão adotar medidas tendentes a dissipar as aglomerações onde quer que forem constatadas, espaços esportivos, festas e aglomerações especialmente praças, logradouros, rodovias, restaurantes, dentre outros;

Vale lembrar que o uso de máscara de proteção continua obrigatório em ambientes fechados, público e privado, sendo a utilização facultativa em ambientes abertos, como vias públicas e praças.

Advertência

Sanção Administrativa com aplicação de multa, no valor de R$ 2.000,00 (dois mil reais) a R$ 1.500.000,00 (um milhão e quinhentos mil reais), considerando a gravidade da infração e a capacidade econômica do infrator, nos termos do que é definido pelo Art. 2°, §§1° a 3° da Lei Federal n° 6.437 de 20 de agosto de 1977;


Confira o decreto Municipal publicado hoje clicando aqui. 

Seis detentos fogem de presídio na cidade de Coroatá

Os seis detentos que fugiram do presídio de Coroatá, nessa segunda-feira (Foto: Divulgação)

Nessa segunda-feira, 24, seis detentos fugiram da Unidade Prisional de Ressocialização de Coroatá – distante 246 km de São Luís. Até o momento, eles ainda não foram recapturados.

Os fugitivos foram identificados como Francarlos de Sousa Frazão, Carlos André Coelho da Silva, Alonso Alves Bezerra, Antonio Francisco Carvalho de Sousa e Afonso Pereira dos Santos.

O grupo, conforme a polícia, escapou durante as atividades laboratoriais realizadas na unidade e seguiram para um matagal localizado em frente o presídio.

Em nota, a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) informou que as circunstâncias da fuga estão sendo investigadas pelo órgão e pelo Serviço de Inteligência do Sistema Prisional do Estado. Afirmou, ainda, que todas as medidas legais sobre o caso já foram tomadas.

Flávio Dino reafirma, sobre Brandão: ‘Tem meu apoio’

Do governador Flávio Dino (PSB), a respeito do seu apoio à pré-candidatura de Carlos Brandão (PSDB) ao Governo do Maranhão, após evento em Santa Rita, no fim de semana:

“Eu, claro, mantenho minha posição, tenho muita convicção que o vice-governador Brandão, se qualificou, teve sempre ao meu lado, coordenando as ações do governo, e por essas qualidades, virtudes e experiências, ele tem o meu apoio”.

Homem é assassinado a tiros na presença da mãe idosa após bandidos invadirem residência em São Vicente Ferrer

 

O homem identificado como identificado como Edvaldo Pinheiro Ferreira, de 37 anos, conhecido como “Belo”, foi assassinado a tiros, por volta de 23h de domingo (23), dentro de sua residência, no povoado Santa Bárbara, em São Vicente Ferrer, a 157 km de São Luís.

A ação criminosa foi praticada por três bandidos encapuzados que invadiram a residência para roubar. Edivaldo Ferreira foi morto na presença de sua mãe, uma idosa de 72 anos.

A polícia informou que os suspeitos invadiram a residência com a armas em punho, exigiram dinheiro e fizeram uma varredura no local.

Como não encontraram dinheiro, eles acabaram levando Edivaldo Pinheiro ao quintal, onde realizaram o assassinato.

A vítima foi baleada na cabeça e no ombro esquerdo. Ainda segundo a polícia, a idosa chegou a ouvir o barulho dos tiros.

Os acusados conseguiram fugir e levaram vários objetos de valor. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil como latrocínio (roubo seguido de morte).

Há suspeitas de que os criminosos sejam envolvidos com o tráfico de drogas na região. Até o momento, a polícia não conseguiu identificar os autores da ação criminosa.

domingo, 23 de janeiro de 2022

Prefeito de Godofredo Viana autoriza pavimentação de estrada ligando Ponta do Jardim à sede do município




Na manhã deste domingo, dia 23, o prefeito de Godofredo Viana, Sissi Viana, acompanhado de auxiliares, esteve na estrada que liga Ponta do Jardim a sede do município.

O prefeito autorizou a pavimentação da estrada que será feita com recursos próprios.
Além da pavimentação, Sissi destacou que, este ano, será construída a Creche Francisca Pereira de Jesus.

Na comunidade de Barão de Pirucaua as obras de pavimentação em bloquetes seguem em andamento, ao todo são mais de 600 metros de pavimentação que levará mais qualidade de vida a população da comunidade.

No Distrito de Aurizona, a rua do Belenzinho também está recebendo pavimentação em bloquetes, a obra faz parte do projeto de asfaltamento da gestão do prefeito Sissi Viana.

Criança morre carbonizada em incêndio dentro de casa em São Luís

O menino Artur Portela Moura, de 4 anos, morreu carbonizado, na noite desse sábado (22), após um incêndio dentro de sua casa, na Avenida dos Lagos, no bairro Jardim Tropical 1, em São José de Ribamar, na Região Metropolitana de São Luís.

Segundo a polícia, o incêndio aconteceu por volta das 22h. No momento do incêndio, o pai da criança, Daivid Leite Moura, de 29 anos, e o avô do menino, que não teve a identidade revelada, estavam no interior da casa.

Quando o fogo iniciou, a mãe da criança, Iraci Sandy de Sousa Portela, de 28 anos, estava do lado de fora, conversando com vizinhos.

Os bombeiros foram acionados e conseguiram debelar o fogo, porém a criança foi encontrada já sem vida no quarto da residência.

Segundo informações o fogo teria começado em um curto-circuito no ventilador e que o pai estava na parte superior da casa.

Após sentir cheiro de fumaça, ele teria descido para o quarto, onde estava o filho, mas o fogo já havia se alastrado.


Até por volta de 13h30, o corpo da criança ainda estava no Instituto Médico Legal (IML), onde familiares aguardam a liberação para sepultamento.

Investigação

A Polícia Civil está investigando a responsabilidade dos pais a fim de apurar se houve abandono de incapaz.

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, os pais da criança são separados, mas moram no mesmo endereço: a mãe na parte de baixo da casa, e o pai no segundo pavimento.

Quando houve o incêndio, a mãe estava fora, pois teria ido ao encontro de amigos num bar nas proximidades, porém o pai estaria no espaço que lhe cabe na casa. Quando ele percebeu o incêndio, o fogo já havia tomado conta da parte inferior do imóvel, não havendo tempo de socorrer o filho.

A polícia está investigando também o que teria motivado o incêndio, que se alastrou velozmente, não dando chances aos vizinhos e parentes do menino de retirá-lo do local. Tudo que havia no interior foi parcialmente destruído pelo fogo.

Quanto ao abandono de incapaz, a dúvida é sobre a culpa que mãe teria por deixar a criança sozinha, mas estando o pai na mesma casa, só que em ambientes separados.

Policia Civil desmonta esquema de agiotagem em São Luís

Uma ação da Polícia Civil do Maranhão batizada de “Operação Mihnea”, foi deflagrada na manhã desta sexta-feira(21). Tal ação, tinha como objetivo cumprir mandados de busca e apreensão contra endereços alvos de uma investigação que apura o crime de agiotagem na capital maranhense, São Luís.

As investigações que são do 4º Distrito Policial do Vinhais, teve como ponto de partida um inquérito instaurado que apura o fato de veículos alugados estariam sendo entregues a agiotas como forma de garantia de empréstimos.

Durante a operação, os policiais localizaram um imóvel no bairro do Olho d’Água que segundo as investigações servia como depósito de automóveis dados em garantia de empréstimos ilegais junto aos agiotas. Na ação, veículos foram apreendidos que posteriormente devem passar por um perícia. Não houve prisão e a investigação prossegue com objetivo de identificar todos os envolvidos.

segunda-feira, 17 de janeiro de 2022

PRF apreende 9kg de maconha em ônibus em Porto Franco

A apreensão da droga causou um prejuízo de mais de R$ 20.000,00 aos criminosos.



A Polícia Rodoviária Federal do Maranhão apreendeu na noite desse domingo (16) 9 kg de maconha em um ônibus, no município de Porto Franco.

A PRF abordou o veículo e os agentes suspeitaram de uma bagagem. Um passageiro, demonstrando nervosismo confessou ser o proprietário. A equipe da PRF encontrou 9 kg de maconha prensada no interior da bagagem.

O passageiro confessou, então, que havia adquirido os tabletes em São José do Rio Preto/SP e que revenderia o material nos municípios maranhenses de Miranda do Norte e São Mateus.

A apreensão da droga causou um prejuízo de mais de R$ 20.000,00 aos criminosos.

O passageiro foi preso pelo crime de tráfico de drogas e, juntamente com o material, encaminhado para a Polícia Civil de Estreito para os procedimentos de praxe.

Saiba quais municípios com menor índice de vacinação no Maranhão

A Secretaria de Estado da Saúde (SES), informou em nota que 48 municípios estão com a Cobertura Vacinal abaixo de 50% no Maranhão, sendo eles Cachoeira Grande, Bom Jesus das Selvas, Maranhãozinho, Centro do Guilherme e Matões do Norte com menores coberturas.

Segundo dados do Painel Vacinação Estadual, foram aplicadas 4.554.844 primeiras doses (D1), 3.539.051 segundas doses (D2) aplicadas, 113.623 Doses Únicas (DU) e 414.741 Doses de Reforço (DR) da vacina contra a Covid-19. A Cobertura Vacinal (CV) contra a Covid-19 da população com 12 anos ou mais com a segunda dose ou dose única é de 67%.

A SES ressalta que dos 217 municípios do Estado, 57 municípios estão com Cobertura Vacinal de pessoas com 12 anos ou mais com o esquema completo (D2 ou DU) acima de 70%, com destaque para os municípios de Afonso Cunha, Junco Do Maranhão, Santo Antônio Dos Lopes, Caxias, Tasso Fragoso, Sucupira do Riachão, São João dos Patos e São Luís.

A SES ainda esclarece que a aplicação das doses e estratégia de vacinação é de responsabilidade dos municípios, de modo que tem reforçado a orientação para envio dos dados atualizados diariamente e para a celeridade da aplicação das doses, cujo objetivo principal é proteger a população geral.

MA 10

Caminhoneiro maranhense morto em grave acidente em SP é sepultado em São Luís

 

O caminhoneiro maranhense Antônio Elvis Bonfim de Araújo, que morreu no última quarta-feira (12), por volta das 18h, em Marília, no interior de São Paulo, foi sepultado na manhã deste domingo (16) em São Luís. Ele perdeu o controle de uma carreta tanque, vermelha, e capotou esmagando a boleia do veículo.

Antônio Elvis morava na Rua Israel, no Jardim São Cristóvão, em São Luís, de onde o corpo saiu, as 9h da manhã, rumo à BR-135, onde os caminhoneiros fizeram deslocamento até o km 11 (retorno próximo ao Amarelinho) e voltaram para o sepultamento no cemitério do São Cristóvão.

O último passeio do caminhoneiro foi organizado por familiares, amigos e colegas de profissão. Os pais acompanharam a homenagem na boleia de uma carreta.

Ele trabalhava na Transportadora Vasconcelos e Mesquita (Trans Araújo), de propriedade do próprio pai, também caminhoneiro.

Pelas informações passadas ao blog, Antônio Elvis já havia perdido um irmão, que também morreu em acidente.

O jovem caminhoneiro deixa esposa e filhos.



Com informações de Antônio Noberto/PRF

Pinheiro : Zé Genésio pai de Luciano Genésio também foi afastado por irregularidades e corrupção


A história se repete na geração da política em Pinheiro, principal cidade da baixada maranhense

O município de Pinheiro tem a mesma história de muitas cidades maranhenses – a troca de 6 por meia dúzia e as práticas continuam as mesmas ao longo dos anos.

Entre os anos 60/ 70/ 80/ 90 a troca na Prefeitura de Pinheiro era entre Maneco/ Dedeco – Maneco Paiva/ Filadelfo Mendes. José Genésio em nome da mudança elegeu-se prefeito em 1996.


Zé Genésio prometia que tudo seria diferente/ transparente mandou arrancar a porta da Prefeitura de Pinheiro. O povo poderia entrar/ fiscalizar/ cobrar/ participar/ opinar/ divergir. No que deu?

Zé Genésio foi cassado em 1999/ por improbidades administrativas que até hoje constam no Sistema de Contas Irregulares do TCU. Em janeiro deste ano, o filho Luciano Genésio foi afastado/ e é investigado por desvios.

Zé Genésio foi condenado a devolver 14 milhões/ somente das contas do último ano (1999)/ na frente da Prefeitura de Pinheiro. Luciano Genésio é investigado pelo desvio de 38 milhões.

Cifras milionárias que não tiveram prestação de contas ou são investigadas por fortes indícios de fraudes/ desvios/ lavagem de dinheiro em família. O povo de Pinheiro continua enganado/ na miséria.

Décadas depois, o filho Luciano teve o pedido de prisão preventiva negado pela Justiça Federal que somente determinou o seu afastamento por tempo indeterminado. A cidade está a 5 dias sem comando no executivo, a posse da vice Ana Paula está agendada para esta segunda feira (17), interlocutores do prefeito afastado prometem uma reviravolta contra a investigação minuciosa e repleta de provas da Polícia Federal.

Como diz o ditado, filho de peixe, peixinho é!

segunda-feira, 3 de janeiro de 2022

Balanço parcial da PRF aponta 9 feridos e 0 mortes na Operação Réveillon

Nos quatro dias de operação foram registrados 11 acidentes




A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou o balanço parcial da Operação Réveillon, que aconteceu entre os dias 30 de dezembro a 2 de janeiro. De acordo com a PRF, nos quatro dias de operação, foram registrados 11 acidentes com 9 feridos e nenhuma morte.

A Operação Natal, que durou três dias também teve o registro de 11 acidentes com 18 feridos e 7 mortes.

Segundo a PRF, 40% dos acidentes envolve motociclistas e a embriaguez ao volante e ultrapassagem proibidas lideram o ranking desses acidentes.

A PRF segue com a Operação RodoVida, que teve início no dia 17 de dezembro e segue até março, no período do carnaval, onde a fluxo nas estradas deve aumentar em todo o país.

Tribunal de Justiça emite nota de repúdio contra atos de racismo no MA

Casos foram registrados nas cidades de Açailândia e Santa Inês.


O Tribunal de Justiça do Maranhão (TJ-MA) emitiu nota de repúdio nesta segunda-feira (3) em virtude dos atos de racismo ocorridos nas cidades de Açailândia e Santa Inês que repercutiram nos últimos dias.

Uma das vítimas de racismo foi Gabriel da Silva Nascimento, de 23 anos, que sofreu agressões por parte de um casal, no dia 18 de dezembro. Imagens de câmeras de segurança flagraram o momento em que ele recebe socos e pontapés do casal.


De acordo com Gabriel, ele estava a caminho da confraternização da empresa em que ele trabalha, quando de repente o casal agressor se aproximou do veículo dele e o arrancou do carro acusando Gabriel de ser um ladrão. O caso foi destaque no Fantástico nesse domingo (2).

O segundo caso de racismo foi registrado em um supermercado na cidade de Santa Inês. Raimundo Nonato dos Santos, de 35 anos, foi mantido em cárcere privado, ameaçado e torturado por funcionários do Grupo Mateus. Ele foi acusado de furto e amarrado por quatro horas dentro de um almoxarifado.



A Polícia Civil do Maranhão prendeu quatro pessoas envolvidas nesse caso na última segunda-feira, 27.

Segundo relato, o homem comprou dois quilos de frango e estava com a nota fiscal do produto quando foi abordado pelos seguranças armados. Ele foi algemado, levado para a sala e preso com um fio metálico, depois fotografado.

Confira a nota do TJ na íntegra:

O Tribunal de Justiça do Maranhão, por meio do Comitê de Diversidade do Tribunal de Justiça do Maranhão vem a público manifestar repúdio aos atos de violência praticados contra Gabriel da Silva Nascimento, na cidade de Açailândia/MA, e Raimundo Nonato dos Santos, na cidade de Santa Inês, que reforça a necessidade de reflexão da sociedade e da adoção de políticas institucionais que contribuam para a erradicação do racismo e demais formas de discriminação em todos os níveis sociais, corporativos e profissionais, em consonância com os princípios constitucionais e os tratados internacionais de que o Brasil é signatário.

Nesse sentido, o Tribunal de Justiça do Maranhão, por meio do Comitê de Diversidade, reafirma o seu compromisso e sua missão institucional de promoção de Direitos Humanos e de políticas antidiscriminatórias pautadas nos princípios da dignidade da pessoa humana e da equidade, estimulando uma cultura de respeito e de não discriminação, para a consolidação dos valores supremos de uma sociedade fraterna, pluralista e sem preconceitos.

Bolsonaro é internado com suspeita de nova obstrução intestinal

O presidente foi levado para o Hospital Vila Nova Star em São Paulo na madrugada desta segunda-feira (03/01)



(crédito: Alan Santos/PR)

Na madrugada desta segunda-feira (03/01), Jair Bolsonaro foi internado São Paulo com suspeita de uma nova obstrução intestinal. O presidente foi levado para o Hospital Vila Nova Star, na Vila Nova Conceição, Zona Sul de São Paulo.

Ele deixou o Forte Marechal Luz, em São Francisco do Sul (SC) — onde celebrava a virada do ano e o recesso de final de ano — ao final da noite de domingo e desembarcou na capital paulista por volta da 1h30.

O médico Antônio Luiz Macedo, responsável pelos cuidados do presidente desde a facada em 2018, estava nas Bahamas e espera um avião para avaliar o presidente assim que chegar ao Brasil.

Em nota, o hospital informou que o estado de saúde de Jair Bolsonaro é estável mas que não há previsão de alta.

Confira na íntegra

O Hospital Vila Nova Star informa que o Senhor Presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, deu entrada na unidade na madrugada desta segunda-feira, devido a um quadro de suboclusão intestinal. Ele está estável, em tratamento e será reavaliado ao longo desta manhã pela equipe do Dr. Antônio Luiz de Vasconcellos Macedo. No momento, sem previsão de alta".

Fantástico destaca caso de jovem negro agredido em Açailândia

Recepcionista de banco em Açailândia, a 567 km de São Luís, foi acompanhado pela polícia para se mudar do apartamento, três dias após as agressões

Os autores das agressões são o empresário Jhonnatan Silva Barbosa e a dentista Ana Paula Vidal

As agressões sofridas por Gabriel da Silva Nascimento, no sábado (18/12), por volta das 6h30, em Açailândia, foram destacadas pelo Fantástico da TV Globo nesse domingo (02).

O jovem, que trabalha como recepcionista de uma agência da Caixa na cidade, tinha descido do condomínio onde mora para vistoriar o carro, já que faria uma viagem para encontrar colegas para uma confraternização. Nesse momento, sofreu as agressões.

Confira trechos da reportagem:

Os roxos e cortes no rosto e no pescoço não foram as únicas marcas que ficaram em Gabriel da Silva Nascimento, de 23 anos, que foi agredido dentro do próprio carro, em frente de casa, em Açailândia, no Maranhão. Ele também acabou se mudando do imóvel, três dias depois do crime, porque ele pertence à família da mulher que o agrediu junto com um homem.

Os autores das agressões são o empresário Jhonnatan Silva Barbosa e a dentista Ana Paula Vidal, que também mora no prédio. Eles mandam o jovem sair do veículo e começam as agressões, que foram registradas em vídeo. Gabriel é derrubado, sofre chutes, pisões, tapas e Ana Paula põe os joelhos na sua barriga, enquanto Jhonnatan pisa em seu pescoço. A sessão de espancamento só para quando um vizinho avisa que a vítima é moradora do prédio e dono do carro de onde foi retirado.

No dia das agressões, Gabriel foi à delegacia para fazer um boletim de ocorrência, mas em três tentativas diferentes, ele foi informado de que o sistema estava fora do ar. Por isso, só conseguiu registrar a queixa no dia seguinte, o que impediu a prisão em flagrante dos agressores. Até agora, nenhum deles foi ouvido pela polícia.

Jhonnatan Silva Barbosa, o agressor, já foi condenado pela Justiça por ter atropelado e matado um senhor de 54 anos, em 2013. Ele foi condenado a 2 anos e 8 meses de prisão, que foram convertidos em serviços comunitários e multa de um terço de um salário mínimo. O Fantástico encontrou Jhonnatan, mas a pessoa que se identificou como tio dele informou que o sobrinho não daria entrevista. Em nota, Ana Paula Vidal, também agressora, pediu desculpas e disse que não teve uma atitude racista.

Para o advogado de Gabriel, o ex-juiz Marlon Reis, o racismo é evidente: "Foi um caso de racismo. Muitas vezes se busca, para a caracterização de um episódio claro de racismo, a verbalização, a utilização de palavras que denotem o preconceito racial, mas isso não é o padrão brasileiro, baseado em racismo estrutural", defende o advogado.

Este é o mesmo entendimento de José Carlos Silva de Almeida, da ONG Justiça nos Trilhos: "A partir do momento que eles olham o Gabriel, enxergam nele um bandido, um ladrão. Estão fazendo juízo de valor baseado na cor da pele, na vestimenta dele. Isso é racismo", diz.

Gabriel havia comprado o carro há 2 meses. Ele se mudou do prédio que morava porque ele pertence à família de Ana Paula. Com medo, ele teve acompanhamento da polícia para retirar seus pertences de lá.

Com informações de Alex Barbosa/TV Globo

Mercadorias sem nota fiscal são apreendidas na BR-135, no Maranhão

Diante dos fatos, configurou-se crime contra a ordem tributária, causando prejuízos aos cofres públicos. Mercadorias sem nota fiscal são apr...