segunda-feira, 17 de janeiro de 2022

Pinheiro : Zé Genésio pai de Luciano Genésio também foi afastado por irregularidades e corrupção


A história se repete na geração da política em Pinheiro, principal cidade da baixada maranhense

O município de Pinheiro tem a mesma história de muitas cidades maranhenses – a troca de 6 por meia dúzia e as práticas continuam as mesmas ao longo dos anos.

Entre os anos 60/ 70/ 80/ 90 a troca na Prefeitura de Pinheiro era entre Maneco/ Dedeco – Maneco Paiva/ Filadelfo Mendes. José Genésio em nome da mudança elegeu-se prefeito em 1996.


Zé Genésio prometia que tudo seria diferente/ transparente mandou arrancar a porta da Prefeitura de Pinheiro. O povo poderia entrar/ fiscalizar/ cobrar/ participar/ opinar/ divergir. No que deu?

Zé Genésio foi cassado em 1999/ por improbidades administrativas que até hoje constam no Sistema de Contas Irregulares do TCU. Em janeiro deste ano, o filho Luciano Genésio foi afastado/ e é investigado por desvios.

Zé Genésio foi condenado a devolver 14 milhões/ somente das contas do último ano (1999)/ na frente da Prefeitura de Pinheiro. Luciano Genésio é investigado pelo desvio de 38 milhões.

Cifras milionárias que não tiveram prestação de contas ou são investigadas por fortes indícios de fraudes/ desvios/ lavagem de dinheiro em família. O povo de Pinheiro continua enganado/ na miséria.

Décadas depois, o filho Luciano teve o pedido de prisão preventiva negado pela Justiça Federal que somente determinou o seu afastamento por tempo indeterminado. A cidade está a 5 dias sem comando no executivo, a posse da vice Ana Paula está agendada para esta segunda feira (17), interlocutores do prefeito afastado prometem uma reviravolta contra a investigação minuciosa e repleta de provas da Polícia Federal.

Como diz o ditado, filho de peixe, peixinho é!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mercadorias sem nota fiscal são apreendidas na BR-135, no Maranhão

Diante dos fatos, configurou-se crime contra a ordem tributária, causando prejuízos aos cofres públicos. Mercadorias sem nota fiscal são apr...