quinta-feira, 10 de agosto de 2023

Candidato à presidência do Equador é assassinado

 

Fernando Villavicencio, um candidato a presidente do Equador, foi assassinato com três tiros na cabeça depois de sair de um comício em uma escola na cidade de Quito nesta quarta-feira (9), de acordo com a mídia do país.

Assessores de Villavicencio confirmaram a morte. Em um perfil do Instagram do candidato há vídeos que mostram um atentado.

Segundo o jornal “El Universo”, as pessoas que estavam no encontro de campanha ouviram disparos e então notaram que Villavicencio caiu no chão.

Villavicencio apareceu em 5º lugar em uma pesquisa publicada pelo “El Universo” na terça-feira. Ele combatia o crime organizado e prometia muitas mudanças no rumo do País tomado pelo narcotráfico.

A votação está agendada para o dia 20 de agosto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PF investiga desvio de R$ 5 milhões na Caixa Econômica no MA

A investigação se iniciou a partir de comunicação da própria Caixa Econômica Federal. (Foto: Divulgação/PF) A Polícia Federal deflagrou, nes...