sexta-feira, 4 de agosto de 2023

Acusado de matar ex-companheira a tiros é condenado a 26 anos de prisão no MA

O crime aconteceu em fevereiro deste ano, na Zona Rural da cidade de Buriti.


'Budika' foi preso por suspeita de matar a ex-companheira, Tainara Botelho — Foto: Montagem/g1 MA

A Justiça condenou a 26 anos de prisão, nessa quarta-feira (2), um homem identificado como Antônio Carlos Xavier Silva, acusado de matar a ex-companheira, Francisca Tainara Chagas Botelho. O crime ocorreu em fevereiro deste ano, na localidade rural de Novo Oriente, próximo ao município de Buriti, a 327 km de São Luís.

O crime aconteceu em um ambiente de descontração, em um estabelecimento situado às margens da MA-034.

Antônio Carlos, de acordo com as informações policiais coletadas, havia consumido bebidas alcoólicas no mesmo bar em que Francisca Tainara Chagas Botelho esteve presente. No início da noite, testemunhas relataram que ele demonstrou ciúmes, ao lançar uma garrafa de cerveja em seu tio, Francisco de Assis, também ex-companheiro da vítima.

Pouco depois, o acusado retornou armado, trazendo duas espingardas e uma faca. Após Francisca Tainara entrar em um banheiro, Antônio Carlos a atacou com um disparo de arma de fogo, resultando nas feridas fatais, confirmadas pelo laudo cadavérico anexado ao processo. O ato criminoso foi testemunhado pela mãe da vítima, que estava presente no local.

Após o crime, policiais foram acionados e localizaram o réu em um matagal próximo à residência de seus pais. As armas utilizadas no crime foram apreendidas, durante a operação policial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Polícia Federal realiza operação que investiga tráfico de drogas dentro de terra indígena no MA

Operação foi realizada dentro da Terra Indígena Bacurizinho, em Grajaú, cidade a 450 km de São Luís. Polícia Federal realiza operação de com...