sexta-feira, 22 de setembro de 2023

Polícia Federal investiga homicídio de servidor da Sesai, em Arame

 

A Polícia Federal no Maranhão deflagrou, nessa quinta-feira (21), no município de Santa Luzia, a Operação Unokai, que investiga o autor do assassinato de Raimundo Ribeiro da Silva, conhecido como "Doutor", ocorrido no dia 31 de janeiro. Raimundo era servidor da Secretaria Especial de Saúde Indígena (SESAI) e foi morto a tiros na aldeia Abraão, Terra Indígena Arariboia, em Arame, a 478 km de São Luís.


Durante a Operação Unokai, a Polícia Federal cumpriu um mandado de busca e apreensão na residência do principal suspeito do crime, no povoado Faísa, em Santa Luzia. O investigado, que não teve sua identidade revelada, não foi localizado durante o cumprimento da operação e agora é considerado foragido da Justiça, já que existe um mandado de prisão contra ele, determinado pela 2ª Vara Federal da Seção judiciária de Maranhão.

A Polícia Federal informa ainda que o número (98) 3131-5113 (ligação e WhatsApp) está disponível para fornecimento de informações que possam contribuir para a elucidação do crime.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Defesa Civil do MA registra 19 cidades em situação de emergência por causa das chuvas

No estado como um todo, há o registro de 810 famílias alojadas em abrigos, enquanto outras 2.297 foram desalojadas de suas residências. Foto...