quinta-feira, 23 de maio de 2019

Moradores afirmam que consomem lama em torneiras de Duque Bacelar

Estação de tratamento da cidade tem mais de 30 anos e nesse período a população aumentou; Segundo moradores, uma limpeza foi feita no tanque, mas o problema continua.





Os moradores da cidade de Duque Bacelar, a 346 km de São Luís, reclamam da qualidade da água que sai das torneiras das residências. Segundo eles, a água que vem do rio Mearim, não é bem tratada e apresenta uma coloração escura semelhante a lama.

De acordo com os moradores, o problema seria na estação de tratamento da água que foi construída na década de 1980, quando a cidade tinha cerca de 200 residências. Atualmente já são cerca de 3.000 e nenhuma mudança foi feita.

A moradora Euene Vital afirma que está consumindo lama em vez de água. “Essa é a água que nós consumimos e que sai da torneira. A gente faz uso de poço artesiano, quem tem, quem não tem continua usando a água do jeito que está”, explicou.
Segundo os moradores, água que vem do rio Itapecuru não é bem tratada e apresenta uma coloração escura semelhante a lama. — Foto: Reprodução/ TV Mirante
A água captada do rio Itapecuru vai para um único tanque pequeno para ser tratada pela estação de tratamento. Três dias antes de um protesto feito pelos moradores, os funcionários fizeram uma limpeza no tanque e uma grande quantidade de lama foi tirada de onde sai a água direto para as residências de Duque Bacelar.

Após a limpeza, os moradores afirmam que a lama continua chegando nas torneiras. Segundo a professora Elizete Barbosas, a água já virou caso de saúde pública. “Senti muita coceira, fui ao hospital e me deram duas injeções. A medicação aliviou, mas até hoje meu corpo coça”, relembrou.

A Companhia de Água e Esgoto no Maranhão (Caema) informou que a empresa encarregada de fazer melhorias na estação de tratamento da água de Duque Bacelar teve o contrato reincidido e que outra empresa foi contratada, mas não informou quando as obras de melhoria serão iniciadas.

Água captada do rio Itapecuru vai para um único tanque pequeno para ser tratada pela estação de tratamento. — Foto: Reprodução/ TV Mirante

Por G1 MA 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhe

Postagem em destaque

Após críticas de Bolsonaro, Joaquim Levy pede demissão do BNDES

Na tarde de sábado, o presidente Jair Bolsonaro criticou e ameaçou demitir Levy. Bolsonaro disse estar “por aqui” com o chefe do banco,...