sábado, 18 de maio de 2024

Homem é preso por vender ‘linha chilena’ no interior do MA: comércio desse tipo de linha é proibido no estado

A comercialização desse tipo de linha, que é usada para empinar pipas, é proibida no Maranhão desde 2020, pois pode causar acidentes e até morte.


Homem é preso por vender ‘ linha chilena’ no interior do MA: comércio desse tipo de linha é proibido no estado — Foto: Divulgação/Polícia Civil do Maranhão

Um homem foi preso em flagrante, na tarde dessa quinta-feira (16), por vender linha chilena na cidade de Pindaré-Mirim, a 255 km de São Luís. A comercialização desse tipo de linha, que é usada para empinar pipas, é proibida no Maranhão desde 2020, pois pode causar acidentes e até morte.

Segundo a Polícia Civil do Maranhão, chegou ao conhecimento da polícia de Pindaré-Mirim que o homem estava vendendo o material ilegalmente no local em que funcionava um estúdio de tatuagem.

De posse das informações, os policiais civis de Pindaré-Mirim, com apoio de uma equipe do 1º Distrito Policial de Santa Inês, estiveram no endereço suspeito, onde confirmaram que havia a venda das linhas. No local, as equipes policiais localizaram 60 carretéis de linhas chilena.

Após as comunicações de praxe na delegacia, o preso foi encaminhado à Unidade Prisional de Santa Inês, onde permanecerá à disposição da Justiça.

Venda proibida


O cerol é uma substância produzida com vidro moído e cola. Já as chamadas 'linhas chilenas', são um fio encerado com quartzo moído, algodão e óxido de alumínio.

Segundo o governo do Maranhão, o Procon é o órgão responsável pela fiscalização e comercialização da venda de cerol, cujas sanções também estão previstas no Código de Defesa do Consumidor, com base na Lei nº 8.078, de 11 de setembro de 1990.

Acidentes com cerol

Governo do Maranhão sanciona lei que proíbe venda e comercialização — Foto: Reprodução

A prática de empinar pipas com cerol e linhas chilenas têm se tornado perigosa nos últimos anos. Isso porque por se tratar de uma substância cortante e quase imperceptível, a linha pode provocar graves acidentes e até levar a morte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Cândido Mendes| MPF solicita auditoria no município por suposta irregularidades no Censo Escolar

A pedido do Ministério Publico Federal e da CGU, o Tribunal de Contas do Maranhão estará em Cândido Mendes realizando uma fiscalização em re...