quarta-feira, 1 de agosto de 2018

Flávio Dino mostra aos ouvintes da Mirante FM que o Maranhão é líder de empregos no Nordeste



O governador mostrou que os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) do próprio Ministério do Trabalho apresentam o saldo positivo da geração de emprego

O governador Flávio Dino levou, na terça-feira (31), aos ouvintes da Mirante FM alguns dados do Governo do Estado. Ele foi entrevistado após ordem judicial à emissora, que havia convidado a adversária Roseana Sarney, mas que tinha se recusado a ouvi-lo. A lei eleitoral exige tratamento igualitário aos pré-candidatos e candidatos, ou seja, isonomia é obrigatória.

Flávio abordou temas como fake news, economia e emprego. O governador explicou aos entrevistadores que os dados oficiais do Ministério do Trabalho provam que o Maranhão foi um dos Estados do Brasil com maior saldo positivo de empregos com carteira assinada em 2017. “E em junho deste ano, foi o terceiro maior saldo do país e o maior do Nordeste”, afirmou.

O governador mostrou que os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) do próprio Ministério do Trabalho apresentam o saldo positivo da geração de emprego.

Flávio Dino também esclareceu que a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) muito usada por veículos de comunicação da oposição, é uma metodologia de estimativa, apenas. O dado real é do Ministério do Trabalho, disponível no site do próprio órgão.

De janeiro até junho deste ano, o Maranhão teve o terceiro melhor resultado na geração de emprego no Brasil e o primeiro no Nordeste. “Nós temos o saldo positivo desde janeiro, a pesar dos percentuais de desemprego elevadíssimos no país inteiro, no Maranhão, a trajetória tem sido de retomada de emprego”, finalizou Flávio Dino.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhe

Postagem em destaque

Homem é preso após matar esposa de PM durante assalto na BR-402, no MA

Segundo a polícia, Josivan Lopes é o autor do disparo que atingiu Vânia Pereira da Silva, de 41 anos, durante um assalto na região de Humbe...