sexta-feira, 13 de setembro de 2019

Acordo impede a reintegração de famílias em Cândido Mendes



Um acordo firmado entre moradores do Bairro Mazinho Leite em Cândido Mendes e a Diocese de Zé Doca, intermediado pela Prefeitura, evitou a reintegração de posse de uma área onde vivem mais de 100 famílias. O acordo foi firmado na terça-feira, 10, e aguarda homologação  da Juiza de Direito, Myllenne Sandra Moreira da Comarca de Cândido Mendes. 
Segundo o documento a Diocese  compromete-se a vender para a  Prefeitura  de Cândido Mendes e Associação de Moradores do Bairro Mazinho Leite o terreno de aproximadamente 35 hectares no valor de R$ 150.000.00 [ Cento e Cinquenta Mil Reais].
A associação de Moradores terá até o dia 23 de Setembro para depositar em  uma conta judicial o valor de R$ 50 Mil reais . Já a prefeitura de Cândido Mendes pagará o equivalente a R$ 100 Mil reais em até  60 dias. O qual passará a contar a partir do dia 23 do mês corrente. 
A proposta deu aos moradores o direito a um contrato que garante a permanência nas moradias no bairro em questão. Caso seja descumprida por ambas as partes, prefeitura e Associação o acordo estará automaticamente cancelado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhe

Postagem em destaque

Manchas de óleo chegam às praias da cidade de Tutóia

População registra manchas de óleo nas águas da cidade de Tutóia, que faz divisa com o estado do Piauí. O local onde apareceu o poluente fo...