terça-feira, 17 de março de 2020

Prefeitura de Godofredo Viana intensifica ações de combate à dengue

Além do trabalho do Município é necessário que a população faça sua parte



As ações de combate ao Aedes Aegypti, mosquito transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus em Godofredo Viana foram intensificadas nos últimos dias pela Secretaria Municipal de Saúde, Semus. O trabalho se dá através dos agentes de endemias em visitas domiciliares para exterminar os focos do mosquito e orientar a população, em especial, nos bairros atingidos pelas recentes chuvas.

O coordenador de Controle de Vetores, departamento da Vigilância em Saúde Municipal, Gal Almeida, lembra que desde o início do ano as equipes desenvolvem suas atividades de campo normalmente, mas após as intensas chuvas foi iniciado uma força tarefa . Os agentes estão em trabalho de campo normal, em mutirão, para poder atendermos todas as metas do município”, destacou.

As questões climáticas com alternância de chuvas e sol favorecem o surgimento dos criatórios do mosquito Aedes. Em atendimento a determinação do Ministério da Saúde, os municípios brasileiros são obrigados a fazerem, quatro vezes por ano, o Levantamento do Índice Rápido, LIRA, documento que serve para demonstrar às autoridades federais de saúde sobre o quadro de infestação larvária do mosquito da dengue.
Os resultados do primeiro LIRA deste ano, realizado no dia 18 de fevereiro  apresentaram nível médio de infestação, o que representa estado de alerta em Godofredo Viana. O próximo, já com os reflexos das chuvas, será no dia 20 de maio. 

Supervisor e técnico de campo, Geovani Crispim aponta outros fatores que refletem diretamente para o aumento nos índices de infestação que vão além das chuvas. “Nós estamos fazendo o trabalho de prevenção nos imóveis, orientando a população e exterminando os focos, mas só o poder público não basta, a população tem que fazer a sua parte, cabe à população evitar acúmulo de água limpa e parada em recipientes que são locais propícios a ser criatórios do Aedes Aegypti", alerta. 

Educação

Com experiência nas ações de combate às endemias, o supervisor geral da área lembra que as equipes de controle vetorial trabalham no combate químico e mecânico ao mosquito, mas é fundamental que a população abrace essa causa fazendo a parte dela. “Nossa mensagem é que a população colabore com a saúde e com a cidade, fazendo ações de combate a dengue na sua casa, no seu quintal. Hoje em dia não é questão de apenas de ter consciência, é ter atitude, porque todo cidadão brasileiro sabe qual é o transmissor da dengue, como ele se reproduz e como combatê-lo”, enfatiza o supervisor geral de endemias Domingos Almeida da Silva.

Como prevenir a dengue

- Evite o acúmulo de água limpa em casa;

- Coloque tela nas janelas para impedir a entrada do.Aedes Aegypti;

- Recolha e de destinação correta ao lixo e evite tampas e outros recipientes espalhados que possam acumular água limpa;

- Coloque desinfetante nos ralos;

- Calhas, piscinas e aquários devem ser limpos periodicamente;

- Cada pessoa tenha a responsabilidade de cuidar da prevenção ao mosquito em sua casa.

- Receba e permita a entrada do agente de endemias em sua casa, pois ele tem formação técnica para o trabalho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Polícia do Piauí encontra “super roça” com 50 mil pés de maconha no Maranhão

Policiais Civis da Delegacia Regional de Uruçuí, distante 474 Km de Teresina, localizaram, nesta terça-feira (28), uma “super” plantação de ...