domingo, 23 de dezembro de 2018

Após briga por capim, empresário é morto por funcionários em Viana, no Maranhão

O empresário José Henrique Nicolau foi assassinado porque não queria que um dos funcionários levassem uma quantidade de capim durante um serviço na porta de sua fazenda.


O empresário José Henrique Nicolau foi assassinado na tarde deste sábado (22) durante uma briga na porta de uma fazenda na cidade de Viana, a 214 km de São Luís. Ele tinha 66 anos e era proprietário de uma rede de postos de combustíveis.

Segundo o delegado Leonardo de Carvalho Moreira, que estava de plantão na Delegacia Regional de Viana, toda a confusão envolveu um serviço na fazenda de José Henrique.

“O José Henrique teve uma confusão com uns indivíduos que estavam prestando serviço na fazenda dele por conta de uma quantidade de capim. Um dos indivíduos, Alberto, teve uma confusão com José Henrique, que não queria que ele levasse o capim. Nesse local, onde eles estavam trabalhando, todos são parentes. Daí, um filho de Alberto [Jovêncio Garcia Barros Neto] e um enteado tomaram as dores e começaram as agressões. Eles tomaram a arma de fogo do José Henrique, houve tiro, utilização de facão, além de luta corporal com socos", afirmou o delegado.

A Polícia Civil indica a presença no local do crime de Alberto Nunes Barros, de 48 anos, e o filho dele, Jovêncio Garcia Barros Neto. Um relatório da Polícia Militar aponta ainda a presença de outras três pessoas e que José Henrique efetuou disparos contra Alberto. Logo depois, os demais envolvidos se envolveram na briga e efetuaram perfurações em José no abdômen, cortes no ombro, além de lesões por arma de fogo.

Até o momento, um homem chamado Heberth Gaspar Aires foi conduzido para a Delegacia por ter segurado e, provavelmente, ter esfaqueado José Henrique com facão.

"Ele [Heberth] já assumiu pra gente que estava na confusão e será indiciado por homicídio", contou o delegado Leonardo de Carvalho.

Fonte G1 MA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhe

Postagem em destaque

Motociclista morre após colisão com animal na BR-402 no MA

Valdeildo de Almeida Santos tinha 28 anos e morreu na madrugada de domingo (17) no km 48,4 da BR-402 no município de Morros. Motociclis...