terça-feira, 4 de fevereiro de 2020

Mãe é presa por exploração sexual das próprias filhas no Maranhão

Foram realizados exames nas vítimas e foi constatado vestígios relacionados ao crime na menina de 11 anos de idade


Ilustração

Na manhã desta terça-feira (04), a Polícia Civil juntamente com a Delegacia Especializada da Mulher da cidade de Rosário, realizou o cumprimento do mandado de prisão preventiva contra uma mulher que está sendo indiciada pelo crime de exploração sexual das próprias filhas de 12 e 11 anos de idade.

A investigação aponta que as crianças foram abusadas sexualmente por três homens que até o momento ainda não foram identificados. Foram realizados exames nas vítimas, onde foi constatado vestígios apenas na menina de 11 anos de idade.

De acordo a delegada Natália Porpino que é responsável pelo caso, a mãe das crianças fazia “vista grossa” para os homens que abusavam das filhas em sua residência. A delegada informou também que um dos homens, de aproximadamente 45 anos, ajudava a manter a casa e dava para a vítima de 11 anos uma quantia de até R$ 5,00, dinheiro que ela utilizava para comprar lanche na escola.

Ainda segundo a delegada, o caso se trata de uma longa investigação, que teve início após uma denúncia anônima feita no mês de novembro de 2019 pelos moradores da comunidade em que a suspeita morava.

As meninas foram entregues ao Conselho Tutelar. Após os procedimentos de praxe, a suspeita foi encaminha para a Unidade Prisional de Ressocialização (UPR) e ficará a disposição da justiça.

Por: Luciana Gomes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhe

Postagem em destaque

Polícia identifica homem que foi esquartejado em Imperatriz

Foram encontradas partes do corpo da vítima espalhadas em uma região conhecida como “Pau Preguiça” Foto Reprodução Neste fim de s...