quinta-feira, 27 de maio de 2021

Gaeco deflagra operação e apura construção de postos de combustíveis com recursos públicos desviados

Operação foi deflagrada na manhã desta quinta-feira (27) e tem como objetivo cumprir mandados de busca e apreensão nos municípios de Apicum-Açu, Cururupu e São Luís.

O Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco) do Ministério Público do Maranhão (MP-MA) deflagrou na manhã desta quinta-feira (27) a Operação Citrus, que tem como objetivo cumprir mandados de busca e apreensão nos municípios de Apicum-Açu, Cururupu e São Luís.

Segundo o Gaeco, um dos locais de busca fica na Avenida São Sebastião, localizada no Cruzeiro do Anil, na capital, onde funciona a Rede de Postos de Combustíveis Guará. Ainda segundo o grupo, no galpão do posto, foram encontrados documentos da Prefeitura de Apicum-Açu.

Em outro endereço, localizado no Recanto dos Vinhais, também na capital São Luís, funcionaria uma Fundação Comunitária de Apicum-Açu.

O MPMA requereu busca e apreensão em 13 alvos (empresas e residências), além de decretar a prisão temporária para a continuidade das investigações. O pedido foi deferido pelo juiz Adriano Lima, da Comarca de Bacuri.

O inquérito foi instaurado pela Promotoria de Justiça de Bacuri para apurar atos de improbidades administrativas ou possíveis ilícitos criminais envolvendo os investigados.

Para a operação, causou estranheza o fato de o investigado ter construído três postos de combustíveis, sendo dois em Apicum-Açu e um em Cururupu somente com dinheiro de eventos.

De acordo com a operação do Gaeco, o empresário apresentou imposto de renda declarando renda mensal de apenas R$ 6 mil mensais, o que seria incompatível para a construção de três postos de gasolina.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PF prende homem por divulgar imagens de exploração sexual infantil na internet

A Polícia Federal deflagrou nesta manhã (10) a Operação Contrição, em repressão ao crime de divulgação de imagens de exploração sexual de cr...