sexta-feira, 16 de abril de 2021

Crise | Exonerações, falta de diálogo, ruptura: escancaram racha na gestão do prefeito Facinho em Cândido Mendes


No dia 1º de janeiro de 2021, o prefeito de Cândido Mendes, Facinho Rocha (PL), e sua vice prefeita Alexssandra Viana (PSDB), estavam radiantes. Eram rasgados elogios para os dois lados. Depois de oito anos, o município voltaria a ter  a união tanto do prefeito quanto do vice. Inquestionavelmente, um momento histórico. Mais  esse ambiente amistoso, cordial e de proximidade ficou para trás.

Nesta semana, explodiu uma crise de relacionamento entre o governo de Facinho e o PSDB- partido de Alê sua vice-prefeita e o vereador professor Jaelson. Incomodado com as cobranças , posturas agressivas do vereador e o pedido de afastamento do Prefeito Facinho_ em relação ao trabalho da Prefeitura - principalmente na pasta da infraestrutura e limpeza urbana -, Hoje cedo explodiu o estopim e não precisou o poder  Executivo anunciar o rompimento com a vice prefeita. Somente hoje,dia 16, foram cinco exonerações de indicações da vice e filiados do PSDB.

E pelo que parece foi só o começo das exonerações que soam como tom de resposta no cancelamento da vice prefeita Alexssandra Viana e aliados.

Vamos aguardar os próximos capítulos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Polícia do Piauí encontra “super roça” com 50 mil pés de maconha no Maranhão

Policiais Civis da Delegacia Regional de Uruçuí, distante 474 Km de Teresina, localizaram, nesta terça-feira (28), uma “super” plantação de ...